Cresce a busca por crédito em outubro

21/11/2013

Aumentou em 6,5% as pessoas que procuram por crédito. No mês de setembro houve uma queda nesta demanda de 9,8%, ou seja, o crescimento indica uma recuperação parcial.

De acordo com especialistas, a alta de outubro talvez tivesse sido maior se a greve dos bancários não tivesse durado até dia 14 de outubro, que provavelmente acarretou dificuldades ao acesso de crédito pelo consumidor. 
 
Os consumidores que mais buscaram pelo crédito no mês passado foram os consumidores de baixa renda. Aumentou em 12,1% a demanda de trabalhadores que recebem até R$ 500 e os que ganham entre R$ 500 e R$ 1000 por mês, aumentou 9,8%.
 
Em contrapartida, consumidores de renda alta diminuíram a procura por empréstimo bancário, havendo retratação de 3,1% entre os que recebem entre R$5 mil e R$ 10 mil por mês. Para os consumidores com salários acima de R$ 10 mil, a queda foi de 2,3%.
 
Os dez primeiros meses desse ano, comparando-se ao mesmo período de 2012, teve crescimento na demanda em 3,6%. Consumidores da região norte e nordeste país foram os que mais buscaram por crédito, com 13,9% e 10,4% respectivamente. Região Sul marcou 4,7% e Sudeste 0,8%. A única região com queda foi a Centro-Oeste com 2,1% a menos de procura.
 
 
 
 

Fonte: Agência Brasil