Inadimplência apresenta alta de 2,4% em Abril

21/05/2014

A proporção de dívidas em atraso teve aumento de 2,4% no mês de Abril em relação a Março. Essa alta aconteceu pelo sexto mês consecutivo. Agora se for comparado com o mesmo mês de 2013, a inadimplência teve queda de 2,2%.

 
Esse aumento foi consequência do crédito estar mais elevado que a inflação, dificultando assim o pagamento das dívidas para a população em geral. As modalidades analisadas foram as mais diversas e tiveram avanços negativos. Entre elas está o atraso com os débitos com os bancos (6,7%). Já as dívidas sem relação bancária, (como cartão de crédito água, entre outras) teve queda de 0,1%.
 
Outra queda registrada foi de dívidas não bancárias que não foram pagas em prazo legal. Na comparação com o mesmo ano de 2013, o valor médio ficou em R$318,67, enquanto no ano de 2013 o valor médio foi R$328,11. Os cheques sem fundo também tiveram queda considerável, com um porcentual de 4,4%.

Fonte: Agência Brasil