Poupar é Presentear: 4 dicas para compras de final de ano

08/01/2015

 Geralmente no mês de dezembro o comércio popular costuma estender as suas atividades para o consumidor ter tempo de fazer as suas compras de final de ano sossegado.

Com tanta procura e tanta dúvida na hora de escolher os presentes, as lojas e os shoppings ficam lotados e às vezes, pela pressa, pecamos pelo excesso e levamos produtos e serviços pelo impulso.

Por isso, fique atento para as dicas que a Foregon separou para começar as suas compras de final de ano com calma e terminar ainda mais relaxado:

1 – Tente a internet:

A plataforma virtual, além de ser uma forma simples e prática de comprar, oferece preços muitas vezes melhores que os estabelecimentos físicos.

Você só precisa ficar atento às condições oferecidas, aos juros e valores pagos em frete, e também no tempo de entrega para a sua cidade, para não passar o natal.

Veja como adquirir o seu cartão para compra na internet.

2 – Escolha horários de baixo movimento:

Se conseguir em horários diferentes que a grande maioria vai ao comércio, melhor. Vá na sua folga, num tempo livre durante o dia ou opte por ir m shoppings distantes de trajetos conhecidos.

Assim você tem mais tempo para pensar e pode até conseguir produtos que já foram esgotados de outras lojas.

3 – Compare preços em diferentes lojas:

Às vezes, na loucura e na pressa, finalizamos a compra pelo impulso e não pesquisamos melhor produtos de qualidade idêntica e preços menores.

Por isso, a dica de ouro é se acalmar e ir às compras com mais tempo do que dinheiro para gastar, e pesquisar muito bem em todas as lojas possíveis, antes de comprar.

4 – Veja a veracidade dos benefícios na hora de pagar:

Algumas lojas realmente têm descontos imperdíveis e condições de pagamentos que ajudam na hora do orçamento, mas algumas querem tirara vantagem do consumidor, que acaba trocando seis por uma dúzia inteira na fatura do cartão de crédito.

Pesquise a veracidade dos benefícios das lojas e, se puder, escolha sempre por compras à vista.  

Fonte: