Seguro de automóvel sobe até 40%

13/10/2004

Alguns seguros de automóveis tiveram aumento de até 40% entre outubro de 2003 e setembro de 2004. É o que afirma o presidente do Sindicato dos Corretores de Seguros do Estado de São Paulo (Sincor-SP), Leoncio de Arruda. Esse índice elevado atingiu os carros esportivos ou mais velozes, enquanto os carros populares ou médios tiveram aumento de 18%. “As seguradoras costumam impor seus preços e jogar com o risco de cada veículo”, diz.

Os carros esportivos, mais rápidos, estão mais sujeitos a risco, porque, em caso de roubo, o repasse na fronteira do Paraguai é mais fácil. “Esses carros têm garantia de revenda”, diz Arruda. O mercado de seguros continua em evolução, crescendo a taxas superiores aos da economia como um todo. Este ano, na comparação com 2003, o crescimento está em 16%.

Ao contratar um seguro, analise criteriosamente o que você precisa e o que é oferecido. Procure incluir serviços que você pode realmente vir a utilizar, excluindo outros que apenas tornem o seguro mais caro. Veja também alguns cuidados, recomendados pela Superintendência de Seguros Privados, aos interessados em seguros:

  • seu corretor tem de ter registro na Susep e você deve exigir que ele apresente esse documento. Além disso, deve ser de sua inteira confiança.
  • O valor do bem segurado tem de ser igual a seu valor real.
  • Não se pode fazer mais de um seguro para um mesmo bem, porque nesse caso todas as seguradoras contratadas vão se reunir e dividir a indenização única que você tem direito de receber. Exceções são os seguros de vida, em que você pode contratar várias apólices com diversas seguradoras, e seguros acessórios. Exemplo: você faz um seguro contra incêndio e roubo do seu carro, mas ele não cobre o seu CD player. Daí você pode contratar um seguro acessório que cobre um eventual roubo do CD player do seu carro.
  • Quando o segurado atrasar o pagamento de uma das prestações do seguro, a seguradora pode cancelar seu contrato e não vai devolver qualquer valor que ele tenha quitado antes disso.
  • A importância segurada é o valor máximo de indenização para qualquer sinistro. Se o valor do bem aumentar ou diminuir durante a vigência do seu contrato, cabe ao segurado comunicar à seguradora o fato e pedir a devida alteração contratual.

Fonte: TPT Comunicação Ltda.