Lula defende uso de moedas locais no comércio regional para superar escassez de crédito

10/03/2009
Brasília - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva defendeu hoje (10), durante encontro com o presidente do Uruguai, Tabaré Vázquez, uma discussão rápida sobre o uso de moedas locais no comércio bilateral e regional como forma de superar a escassez de crédito provocada pela crise financeira internacional. “Para aprofundar a integração, precisamos encontrar formas inovadoras para superar a escassez do crédito. Devemos, portanto, acelerar a discussão do uso de moedas locais no nosso comércio bilateral e regional”, disse Lula ao presidente uruguaio, que está em visita oficial ao Brasil. De acordo com o presidente, a crise financeira ameaça os projetos sociais e econômicos do Brasil e do Uruguai. “Nossos países vivem os reflexos de uma crise que não criamos e que ameaça nossas conquistas no campo econômico e social. Os preços de nossos principais produtos de exportação vêm sofrendo forte volatilidade, reduzindo os recursos para nossos projetos de crescimento.” No encontro, Lula disse a Vázquez que o recebia como um “companheiro” já que ambos, há muitos anos como líderes de oposição em seus países, tiveram a oportunidade de compartilhar sonhos e esperanças. Tabaré Vázquez está no Brasil a convite do presidente Lula. O Brasil é atualmente o principal parceiro comercial do Uruguai.

Fonte: Agência Brasil