Caixa e BB acompanham decisão do Copom e reduzem juros bancários

11/03/2009
Brasília - Logo depois que o Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central anunciou a redução da taxa básica de juros (Selic), de 12,75% para 11,25% ao mês, a Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil informaram que também vão baixar os juros bancários nos próximos dias. Em seguida, o Bradesco, Itaú e Unibanco fizeram o mesmo. A CEF vai usar novas taxas a partir da próxima segunda-feira (16), com destaque para o cheque especial, cuja taxa mínima cai de 1,37% ao mês para 1,28%, e a taxa máxima cede dos atuais 6,89% ao mês para 6,83%. Na antecipação de restituição do Imposto de Renda a redução foi de 2,19% ao mês para 2,07%, e no financiamento de veículos a taxa baixou de 1,73% para 1,68% ao mês. Nas operações com empresas, as maiores reduções são para cheque especial e desconto de duplicata. A taxa atual, de 2,15% ao mês no cheque especial, cai para 2,04%, e no desconto de duplicatas a taxa hoje vigente, de 2,59% ao mês, baixa para 2,48%. Já o Banco do Brasil anunciou redução dos encargos financeiros praticados em diferentes linhas de crédito, para pessoas físicas e jurídicas, a partir de sexta-feira (13). Destaque para a redução do cheque ouro empresarial, que teve a taxa mínima reduzida de 5,23% para 5,11% ao mês, enquanto a taxa máxima cede de 7,81% para 7,69%. Nas linhas de crédito fixo e rotativo para pessoas físicas, as taxas foram reduzidas nas diferentes modalidades, com destaque para o cheque especial, que cai dos atuais 7,91% ao mês para 7,85%.

Fonte: Agência Brasil