Ex-presidente Collor admite que bloqueio da poupança foi um erro

18/03/2009
Brasília - A Receita Federal abriu hoje (18) as inscrições para a seleção interna de auditores fiscais com o objetivo de reforçar a fiscalização do setor financeiro em São Paulo. O objetivo é elevar de 70 para aproximadamente 130 o número de fiscais no estado, segundo o subsecretário de Fiscalização da Receita Federal do Brasil, Henrique Jorge Freitas. “As pessoas vão se inscrever e vamos analisar os currículos, pois a gente quer pegar pessoas com experiência no setor financeiro. Será um processo transparente. Vamos aproveitar os melhores currículos”, afirmou. O reforço na delegacia que fiscaliza instituições financeiras faz parte da estratégia da Receita Federal de concentrar o trabalho dos auditores nos grandes contribuintes, como as instituições bancárias. “O setor financeiro é composto de grandes contribuintes e responde por cerca de 30% da arrecadação [sem levar em consideração a receita previdenciária]. Então, tem que ter um tratamento diferenciado”, afirmou. A seleção dos bancos que serão fiscalizados já começou, segundo o subsecretário da Receita e as informações estão sendo coletadas. Os nomes não podem ser revelados para não atrapalhar as investigações e preservar o sigilo fiscal protegido pela lei. Os tipos de irregularidades existentes nas instituições também não foram revelados por “estratégia da própria fiscalização”.

Fonte: Agência Brasil