Lula defende aprovação do Cadastro Positivo de Credores pelo Congresso

08/04/2009
Brasília - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva defendeu hoje (8) a aprovação do Cadastro Positivo de Credores pelo Congresso Nacional como forma de amenizar a falta de crédito no país provocada pela crise financeira internacional “Espero que o Congresso aprove [a proposta], já conversei com o presidente Temer [Michel Temer, presidente da Câmara], com Sarney [José Sarney, presidente do Senado] e espero que aprove logo porque é uma coisa de interesse da economia nesse momento em que o crédito é o grande problema do mundo, não é do Brasil, é do mundo”. A finalidade do cadastro positivo é permitir que empresas prestadoras de serviço de banco de dados de proteção ao crédito possam ter uma lista de pessoas que pagam contas em dia. O objetivo é reduzir os riscos de inadimplência e permitir que sejam cobradas taxas mais baixas daqueles que honram seus compromissos. A declaração foi dada por Lula em entrevista a jornalistas após o Encontro Nacional e Educadores. O presidente foi questionado também se o governo estuda reduzir o Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) de outras mercadorias, como geladeiras e máquinas de lavar, mas evitou responder diretamente. “Só se pode anunciar medidas no dia de colocar em prática porque senão as pessoas param de comprar, se vocês sabem que daqui a um mês um produto vai baratear, vocês não vão comprar esse mês, vão esperar o mês que vem”, disse.

Fonte: Agência Brasil