Reis Veloso diz que é preciso desenvolver pré-sal para conter crise

15/04/2009
Brasília - O economista e ex-ministro do Planejamento Reis Veloso apresentou hoje (15) no Senado um plano de ação contra a crise financeira internacional. O documento contém sugestões de medidas para a contenção dos efeitos da crise internacional no país. Entre as medidas, Reis Veloso, destaca a necessidade de o Brasil crescer 2% este ano. Para isso, seria preciso prover crédito, conter gastos de custeios e melhorar a vulnerabilidade externa. Nas ações práticas, Veloso destacou a necessidade de transformar a camada pré-sal em “oportunidade para que o Brasil seja um grande player no mundo do petróleo” e se crie em torno dele uma grande indústria. “O Brasil pode ter a melhor matriz energética do mundo”, considerou. Veloso também destacou a necessidade de ampliar a produção de biocombustíveis no país. “Precisamos desenvolver a tecnologia de etanol de celulose e do carro elétrico, por exemplo”, disse. O documento, já entregue ao Judiciário, será lançado oficialmente amanhã (16) em São Paulo e no Rio de Janeiro. João Paulo Reis Veloso foi ministro do Planejamento nos governos Geisel e Médici.

Fonte: Agência Brasil