Batendo o recorde, participação de jovens no crédito chega a 18%, segundo Serasa

21/03/2012

 No ano passado o país alcançou a marca de 18% na demanda de crédito, com a participação dos jovens, com a idade entre 18 e 25 anos. Segundo a  empresa de Consultoria Serasa Experian, o resultado é o maior desde 2008, que foi de 15,7%, em 2009 14,3% e em 2010 a participação foi de 14,3%. A maioria dos jovens credores é do sexo masculino sendo de 60,6%, segundo a pesquisa, percentual acompanha ao registrado na sociedade brasileira de 58,5%.

Ricardo Loureiro, presidente do Serasa diz: “ A crescente formalização do mercado de trabalho nos últimos anos no Brasil tem beneficiado a população de baixa renda, principalmente os jovens. “Além de terem maior estabilidade no emprego pelas regras do mercado formal de trabalho, eles passam a contar com um comprovante oficial de renda, o que estimula e facilita o acesso em mercados específicos como o de crédito”.
EM sua maioria os jovens buscam o crédito para a compra de motos, carros ou até mesmo celulares. Dividindo por regiões os credores estão em 7,1% no Norte, 9,3% no Centro-Oeste, 14,4% no Sul, 22,4% no Nordeste e a grande parte se encontra no Sudeste com 46,7%.
Essa pesquisa foi feita analisando as empresas que tem em foco empréstimos para pessoa física e jurídica, cartão de crédito, consórcio, financiamento de veículos e leasing, como financeiras, financeiras de montadoras, bancos e bancos comerciais. 
 
 

Fonte: Agência Brasil / Repórter Bruno Bocchini