Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta

5 hábitos que prejudicam a sua vida financeira

Por Camila SilveiraPublicado em

Algumas pessoas não encontram facilidade no momento de administrar as finanças e, como resultado, têm menores chances de conseguir multiplicar seus recursos no longo prazo. Isso acontece devido a uma série de comportamentos que prejudicam a vida financeira e que impedem muitas pessoas de alcançarem a prosperidade no futuro. 

Neste artigo, você vai conhecer cinco hábitos que podem complicar a sua vida financeira. Continue a leitura e aproveite o conteúdo!

5 hábitos que prejudicam a sua vida financeira

1. Parcelar compras com juros

O parcelamento com juros é um dos maiores vilões para quem quer ter um maior controle financeiro, afinal, os juros costumam ser extremamente altos e você acaba pagando um valor muito mais alto no final da aquisição. 

Esse cenário pode se tornar ainda pior quando você deixa atrasar alguma parcela, resultando em uma bola de neve e juros cada vez maiores.

Para não ter problemas, o ideal é consultar a taxa de juros dos parcelamentos com a empresa credora e, se existir uma cobrança extra, é necessário procurar uma outra forma de honrar com essa despesa.

Homem desconfiado com a mão no queixo

Com o seu score calculado, você descobre o produto financeiro ideal para você!

Calcule o seu score de forma gratuita, rápida e segura e tenha acesso a centenas de cartões de crédito e outros produtos financeiros.
+ 1.267.543 milhões de pessoas já consultaram

Ao criar uma conta você aceita nossos termos de uso política de privacidade. Aceita também receber notificações por e-mail e SMS, que podem ser canceladas quando quiser.

De toda maneira, saiba que o parcelamento só deve ser bem-vindo quando muito necessário. Caso contrário, ele modifica seu planejamento mensal, podendo trazer alguns prejuízos financeiros.

2. Ignorar as dívidas

As dívidas definitivamente fazem as pessoas perderem o controle de suas finanças, porém, elas não devem ser ignoradas. Pensar que ela pode "caducar" em alguns anos é um dos comportamentos que prejudicam a vida financeira.

Caso você tenha alguma dívida, mas não tenha condições de pagá-la no momento, tente fazer um acordo com a empresa credora, mas não ignore-a.

Se achar necessário, corte algumas despesas não essenciais do seu mês e guarde esse dinheiro para pagar as parcelas da negociação.

Infelizmente, é necessário abrir mão de algumas regalias para poder colocar o orçamento em ordem e tomar controle da situação.

3. Não dar importância para a educação financeira

Investir em educação financeira é um hábito sustentado por poucas pessoas. Se você nunca teve interesse por esse assunto ou, até mesmo, nunca ouviu falar sobre isso, chegou o momento de mudar.

O primeiro passo é entender mais sobre as suas despesas do dia a dia e identificar quais são fixas (aluguel, contas de consumo, supermercado, etc.) e variáveis (restaurante, vestuário, gasolina, lazer, entre outros).

Depois que você entender isso, conseguirá fazer o básico: reduzir ou cortar alguns gastos variáveis do seu orçamento para economizar e poupar!

O segundo passo é procurar cursos de educação financeira e investimentos para se aprofundar no assunto, se informar sempre e ficar de olho nas notícias. Se achar necessário, procure a ajuda de um profissional do ramo.

4. Não planejar o futuro

O que você deseja fazer no ano que vem? Trocar de carro? Se mudar? Ou ter uma oportunidade para investir em seu próprio negócio? Saiba que você pode realizar todos esses objetivos, se souber planejar financeiramente o seu futuro.

Determine uma estratégia de acordo com a sua meta e defina um tempo para guardar dinheiro em uma espécie de poupança. Lembre-se que você pode obter uma grana extra se cortar ou reduzir seus gastos variáveis, certo?

Comece com um valor que esteja a seu alcance, mas se achar necessário aumentá-lo com o passar do tempo, melhor ainda! Revise o seu plano frequentemente, pois isso é muito importante, e não perca o foco e a dedicação.

Definir propósitos e planejar o futuro serve para nos motivar e condicionar nossos pensamentos para realizações!

5. Não tomar cuidado com investimentos

O último hábito é um dos mais graves, afinal, existem muitas pessoas que querem investir, mas que são impulsivas demais no momento de decidir a opção correta.

O primeiro passo para não perder dinheiro com investimentos é conhecer o seu perfil de investidor e separar uma quantia para aplicar.

Como dissemos anteriormente, apostar em educação financeira de qualidade pode te ajudar muito nessa missão!

Faça uma comparação de todos os produtos que o banco ou corretora de investimentos oferece e não se esqueça de estudar muito sobre esse universo antes de tomar qualquer decisão estratégica. Assim, você evita surpresas negativas!

5 contas digitais para investir o seu dinheiro

1. Santander

Conta digital grátis

Santander

Nota da avaliação:4.2
  • MensalidadeGrátis
  • Taxa de saqueAté 4 saques gratuitos
  • Cartão de débito para saques e pagamentos
  • Cartão de crédito sujeito a aprovação

2. Nubank

3. Banco Inter

Conta digital grátis

Banco Inter

Nota da avaliação:4.3
  • MensalidadeGrátis
  • Taxa de saqueGrátis
  • Cartão de débito para saques e pagamentos
  • Cartão de crédito sujeito a aprovação

4. C6 Bank

Conta digital grátis

C6 Bank

Nota da avaliação:5
  • MensalidadeGrátis
  • Taxa de saqueGrátis
  • Cartão de débito para saques e pagamentos
  • Cartão de crédito sujeito a aprovação

5. BTG Pactual Digital

Conta digital grátis
  • MensalidadeGrátis
  • Taxa de saqueR$ 2,20 (Até 8 transferências grátis)
  • Cartão de débito para saques e pagamentos
  • Cartão de crédito sujeito a aprovação

Descomplicamos?

Esperamos ter ajudado você com esse conteúdo. Em caso de dúvidas ou sugestões, deixe o seu comentário para nós. Até a próxima!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Camila Silveira

Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, adora descomplicar os cartões de crédito, empréstimos, financiamentos, seguros, contas digitais, entre outros. Boa parte do seu trabalho é acompanhar a movimentação dos bancos e instituições financeiras para trazer as principais notícias do mercado.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

Quais mudanças o Open Banking traz para a nossa vida financeira?

BRL: entenda o que essa sigla significa na sua fatura do cartão

Corte 17 despesas mensais que podem se transformar em renda extra

Aplicativos para aumentar score de crédito: verdade ou mito?

Tag Itaú de passe livre em pedágios e estacionamentos: conheça e veja como solicitar

Pagar passagem de ônibus com cartão de débito ou crédito: veja como

Prêmio de 1,5 milhão do BBB: saiba quanto rende na poupança e em outros investimentos

Como funciona o carnê digital Magalu