Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta

A importância da implementação do sistema ERP na sua empresa

Por Thais SouzaPublicado em

Algumas empresas ainda têm diferentes departamentos trabalhando com softwares de fabricantes distintos. Isso dificulta o controle de dados e acesso a informações pela falta de comunicação entre os sistemas. É aí que surge a necessidade de concentrar todas essas informações em um só lugar, e isso é possível através do ERP

Para conseguir tomar decisões mais assertivas, mais do que nunca os gestores de companhias precisam de informações certas no momento certo. Por isso, neste artigo você vai conferir o que é ERP e qual a sua importância e efetividade dentro de uma empresa. 

O que é ERP?

A sigla ERP vem de Enterprise Resource Planning, que significa Planejamento dos Recursos da Empresa. Trata-se de um software desenvolvido para ajudar no gerenciamento de empresas. Ele consegue organizar e centralizar as informações importantes para o negócio.

Imperdível
Sua chance de ter um cartão de crédito sem anuidade78.477 pessoas já pediram
Ver cartão
Encerra em 16:20

O sistema integra vários departamentos de uma empresa em um único lugar, possibilitando a otimização dos processos, além de um armazenamento mais seguro das informações. Com o ERP ativo, sempre que for necessário obter uma informação de algum setor, é possível consultar rapidamente, sem a necessidade de questionar outras pessoas a respeito do assunto.

Através do uso de um sistema ERP em sua empresa é possível ter acesso a vários benefícios, além de otimizar de processos, como: 

  • Organização de dados;
  • Diminuição do tempo gasto para cada atividade;
  • Automatização de tarefas;
  • Diminuição de erros;
  • Centralização das informações;
  • Facilidade na tomada de decisões;
  • Baixo custo operacional;
  • Melhor controle na gestão.

Qual a importância de implementar o ERP em sua empresa 

São muitas as vantagens de integrar um sistema ERP em sua empresa. Abaixo citamos as principais que vão ajudar na otimização de tempo e de processos. Confira: 

  • Integração de processos: centralização de todas as operações e informações da empresa em um único software, dando ao gestor o total controle dos processos para a tomada de decisões;
  • Diagnóstico mais preciso: o sistema permite o diagnóstico de áreas mais ou menos eficientes;
  • Processos melhorados: com um sistema ERP, a gestão será mais informatizada, ocasionando em um melhor desempenho de processos;
  • Geração de relatórios: os gestores podem gerar relatórios mais eficientes e detalhados sobre os setores da empresa;
  • Mobilidade: é possível acompanhar o desempenho das tarefas no sistema em qualquer lugar e momento, inclusive através do celular. O que gera maior mobilidade para os funcionários e gestores;
  • Dados mais seguros: esses sistemas, na maioria das vezes, operam através da nuvem, que traz muito mais segurança do que se sua empresa contasse com servidores próprios.

Descomplicamos? 

O ERP nas empresas passou a ser uma necessidade, pois é a maneira de lidar com um grande fluxo de dados internos. Se você deseja implementar esse sistema em sua empresa, verifique qual é o mais adequado para o seu setor e treino sua equipe para utilizá-lo da melhor forma. 

Esperamos que este conteúdo tenha te auxiliado de alguma forma. Se ficou com alguma dúvida, deixe seu comentário que a gente descomplica para você. Até a próxima!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Thais Souza

Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, se identifica com conteúdos relacionados a investimentos e empréstimos e acredita que esse tipo de conhecimento pode mudar a vida das pessoas. Busca impactar a vida dos usuários que buscam resolver um problema ou conhecer melhor um produto ou serviço financeiro.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

Instagram como ferramenta de negócios: guia completo

Como recarregar Bilhete Único pelo celular?

PicPay: como fazer cobranças pelo aplicativo?

Caixa abre 10 mil vagas de emprego para concursados, estagiários e aprendizes

Open Banking ou Open Finance: o que você precisa saber sobre esses sistemas

Não consegue guardar dinheiro? Conheça a “poupança por assinatura”

Golpe da revisão do INSS: veja como se proteger

Quer mudar de carreira? Confira essas dicas para trocar de profissão