Foregon.comConteúdos
    1. Educação financeira

    Aprenda a cuidar do dinheiro com inteligência financeira

    Por Leonardo JacominiPublicado em
    Compartilhe

    Vamos falar a verdade? Cuidar da vida financeira não é nada fácil! Sabe por que? Porque não aprendemos isso desde cedo, e começar um novo hábito depois de alguns anos, fica bem mais complicado, né? Pensando nisso, temos mais um post para te ajudar a cuidar do seu dinheiro com inteligência financeira!

    Então, para tudo para ler este texto. Com certeza tenho dicas bem especiais. Bom, pelo menos se precisar lidar melhor com o seu dinheiro. Ou está sobrando uma grana por aí? De qual lado você se encontra hoje?

    Caso tenha chegado a este parágrafo, saiba que você não está sozinho. Só em nosso país, a taxa de endividados ou que tem problemas financeiros é bem alta. Só de negativados, chega a mais de 60 milhões de pessoas.

    Imperdível
    Sua chance de ter um cartão de crédito sem anuidade3.521 pessoas já pediram
    Ver cartão
    Encerra em 16:20

    Existem variáveis. Estar de mal com o seu dinheiro não significa que você esteja negativado. Mas, seja qual situação estiver, tenho certeza que umas dicas de como lidar com o dinheiro com inteligência financeira, vai te fazer bem!

    Você vai encontrar dicas que podem ser aplicadas no dia a dia, sem aquela dificuldade que normalmente são encontradas por aí. Eu pensei em pessoas assim como eu e você! Praticamente, nós vamos trabalhar uma mudança de hábitos.

    Hábitos esses,na maioria das vezes, herdado. Ou seja, vem lá dos nossos pais essa cultura de gastar sem olhar para nosso dinheiro de forma correta, pensando no futuro e poupar.

    Prontos para as novidades? E de quebra, conseguir dar uma esticada no dinheiro, para quem sabe, fazê-lo chegar ao final do mês?

    Inteligência financeira não é difícil de praticar

    Quando a gente aprende a lidar com o dinheiro, nossa vida melhora, e muito! Dizem que dinheiro não traz felicidade, o que em partes, é verdade. Agora, pagar as contas em dia e ainda ter momentos bons, faz bem em nossa vida, você concorda comigo?

    E são dicas bem simples, que com a prática, os novos hábitos vão acontecendo naturalmente. Pode não ser tão rápido no começo, já que você vai ter que adquirir disciplina. Mas, assim como tudo o que fazemos com frequência, se torna normal, você vai ver!

    A inteligência financeira está nas pequenas coisas que fazemos com o nosso dinheiro e tudo o que envolve as finanças pessoais. Aqui você já aprendeu a praticar a economia doméstica, importante para os gastos diários, da casa e da família.

    Hoje, é hora de olhar diretamente para o seu dinheiro. Aprender que ele é importante, um bem difícil de ser conquistado, mas fácil de perdê-lo. E normalmente, a gente nem sabe onde.

    Praticando a inteligência financeira

    Como você viu, inteligência financeira é praticar um raio x da sua situação econômica. É também, fazer o equilíbrio entre ganhos e gastos e por onde o seu dinheiro anda.

    Dica #1 – Comece a anotar os seus gastos

    Conta para mim, você anota os seus gastos, tudo aquilo que você compra, incluindo o cartão de crédito? Por que você acha que uma loja ou supermercado têm um sistema que faz esse papel e no final do dia ocorre o fechamento de caixa? Pelo simples motivo: nada pode sair do controle.

    E na sua vida, no dia a dia também deve ser assim. Como você pretende saber onde gasta muito ou pode realizar cortes no orçamento se não sabe para onde o seu dinheiro vai?

    Tenha um lugar só para isso. Uma planilha simples no computador ou mesmo um caderninho. Tudo o que comprar, anote. Passou cartão, anote. Tomou um café na padaria, anote. E se possível, coloque em categorias.

    Assim, no final do mês, é possível calcular os seus gastos. E melhor, saber onde você anda deixando o seu dinheiro. Fica bem mais fácil realizar os cortes necessários né? Só quando olhamos os números, é que temos ideia do “problema”. Você vai se surpreender!

    Dica #2 – Crie um orçamento pessoal

    Você que está lendo esse post, presta atenção nessa! Eu particularmente gosto muito dessa dica. Orçamento pessoal é uma das chaves para trabalhar a inteligência financeira.

    Você pode pensar o orçamento como uma meta. Fazer um orçamento não é nada complicado. E você não precisa colocar valores ou algo do tipo. É bem mais fácil e simples dividir em porcentagem. E será que isso é difícil?

    Claro que não! Existem diversas formas de se fazer isso, e depende da sua vida financeira. Um modo fácil, que eu particularmente mais gosto, é da regra 50-15-35.

    Ou seja, você vai separar o seu orçamento em:

    50% para gastos fixos (aquilo que você gasta todo mês)

    15% para prioridades financeiras (saldar dívidas)

    35% para estilo de vida (hobbies ou investimentos)

    Mas, o bom de montar um orçamento financeiro, é que você pode moldá-lo da melhor forma que encaixar com você. Caso precise de mais grana para as dívidas, deixe menos para o estilo de vida. Ou se acha que precisa de mais para os gastos fixos, equilibre os outros pontos e assim por diante.

    Criar um orçamento pessoal é ser inteligente financeiramente. Ele serve como um molde para os seus gastos. Ou seja, quando chegar ao limite proposto, quer dizer que o que vier a mais não é urgente ou é supérfluo.

    Faça os cálculos entre gastos essenciais e suas dívidas (se tiver). Assim, é possível montar um orçamento pessoal que se encaixa com você, além de se policiar nos gastos.

    Dica #3 – Espere mais um pouco para gastar

    Sabe aquela vontade de trocar de carro ou celular? Essas coisas podem esperar um pouco? Normalmente, sim! E o grande erro das pessoas é realizar um sonho sem pensar no depois.

    Parece que as parcelas são bem pequenas, ou que o orçamento anda apertado, mas se tirar uma coisinha ou outra do orçamento, até que dá. Cuidado, alerta de auto-sabotagem!

    Caso não seja o melhor momento, não tente juntar argumentos ou pensamentos que ajudem na decisão de comprar. Você precisa de disciplina e planejamento.

    Conte que no seu orçamento, infelizmente, acontecem imprevistos. E se você se comprometeu com a parcela de um outro bem, fica mais complicado arcar com despesas que não estavam programadas.

    Por isso, o melhor é esperar. Enquanto isso, a sua meta vai ser economizar mensalmente e guardar. Quando conseguir gerir bem o seu dinheiro, com a inteligência financeira e contar com uma boa reserva, essa é a hora de pensar em trocar de carro, celular, casa ou aquele seu sonho!

    Dica #4 – Ganhar mais não significa resolver problemas

    Essa pode soar estranho para você! Mas, para pra pensar: como é que alguém que não cuida do dinheiro com inteligência financeira, pretende gerir uma quantia ainda maior de dinheiro?

    Quando seu dinheiro não é tratado como deveria, ou mesmo se você gasta mais do que tem, isso só vai se estender ganhando mais. Por isso, antes de aumentar os seus ganhos, é preciso saber lidar com o que você tem.

    “Eu juro que assim que aumentarem o meu salário, ou ganhar mais, eu vou cuidar do dinheiro e ir atrás de educação financeira”. É, esse é outro erro comum das pessoas.

    O momento para você aprender a lidar com as finanças é agora! Imagina se você segue nossas dicas, não só essas, mas de outros posts, pratica e fica craque? Quando a grana a mais chegar, você vai ter como investir em outros sonhos e até fazer o extra render. Show demais né?

    Então, se você está pensando em pedir um aumento, da uma segurada até você ficar “fera” em cuidar do seu dinheiro com inteligência financeira.

    Gostou das dicas? No vídeo aqui embaixo, tem mais algumas especiais e exclusivas! Que tal conferir e potencializar a sua inteligência financeira?

    Dica bônus!

    Gostou do tema de educação financeira e quer aprender mais? Então, eu te convido a aprender sobre como gerir o próprio dinheiro, conhecer os seus erros nas finanças e ainda se divertir com tudo isso, sem aquele papo de “economês” e matemática difícil.

    Sem pegadinhas, não tem custo nenhum ou qualquer troca! Nós queremos realmente ajudar você e o Brasil a mudar esse quadro de dívidas e problemas com o dinheiro.

    O Nove Passos, o curso que nem parece curso, vai estar mais perto de você. O Foregon Edu vai rodar as cidades e estados brasileiros. Quer saber se estaremos perto de você e como pode participar? Fique ligado aqui no blog e em nossas redes sociais, logo teremos novidades!

    Eu vou estar te esperando! Quero ver você mandando bem na educação financeira e aprendendo a como mudar seus hábitos de maneira fácil!

    Até o próximo post cheio de dicas!

    Gostou? Deixe seu curtir
    Compartilhe nas suas redes sociais

    Leia a seguir

    • Educação financeira

      Os melhores sites e aplicativos sobre educação financeira

    • Educação financeira

      Educação financeira será matéria obrigatória nas escolas

    • Educação financeira

      10 lições sobre dinheiro que você precisa saber

    • Educação financeira

      Por que é importante ter uma boa educação financeira?

    Ver mais conteúdos

    Veja o que estão comentando