Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta

Auxílio Emergencial: governo pretende oferecer benefício de R$ 200 por três meses

Por Janaína TavaresPublicado em

O calendário de pagamentos do Auxílio Emergencial de 2020 já acabou. Com isso, microempreendedores individuais (MEIs), trabalhadores informais, desempregados ou brasileiros em situação de vulnerabilidade já não contam com esse tipo de benefício neste ano.

Contudo, o governo federal estuda a possibilidade de criar um benefício de R$ 200 por três meses para compensar a falta do Auxílio Emergencial. Confira mais detalhes sobre esse assunto, logo a seguir.

Auxílio Emergencial continua em 2021?

De acordo com informações do site do G1, a intenção do governo é criar o Benefício de Inclusão Produtiva, que seria no valor de R$ 200 por um período de três meses.

Imperdível
Sua chance de ter um cartão de crédito sem anuidade78.477 pessoas já pediram
Ver cartão
Encerra em 16:20

Com isso, esse valor poderá ser pago para até 30 milhões de pessoas que não têm carteira assinada e não participam do Bolsa Família. Conforme uma fonte do governo, esses três meses serão uma espécie de "período de avaliação".

Já em relação a esse benefício para famílias pobres e de extrema pobreza, o governo está estudando um aumento transitório do valor médio para quem já recebe o Bolsa Família.

Calendário do Auxílio Emergencial em 2020

No ano passado, o governo federal oficializou seis ciclos de pagamentos para o Auxílio Emergencial (tanto as parcelas de R$ 300 como as de R$ 600). Veja mais detalhes, logo abaixo:

  • Ciclo 1: pagamentos entre 22 de julho e 26 de agosto;
  • Ciclo 2: pagamentos entre 28 de agosto e 30 de setembro;
  • Ciclo 3: pagamentos entre 30 de setembro e 01 de novembro;
  • Ciclo 4: pagamentos entre 30 de outubro e 20 de novembro;
  • Ciclo 5: pagamentos entre 22 de novembro e 12 de dezembro;
  • Ciclo 6: pagamentos entre 13 de dezembro e 29 de dezembro.

Observação: na época de pagamentos, o governo realizou algumas mudanças nos ciclos 3 e 4 divulgados em julho de 2020 para incluir as parcelas extras de R$ 300.

Conteúdos que você precisa conhecer

Aproveite esse momento para explorar outros artigos da Foregon que também podem ser do seu interesse:

Descomplicamos?

Esperamos ter ajudado você com o nosso conteúdo. Em casos de dúvidas ou sugestões, envie seu comentário para que possamos responder. Até a próxima!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Janaína Tavares

Jornalista e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, a Janaína (ou Jana). Como redatora, ama os conteúdos sobre dicas financeiras. Preza pela checagem de todas as informações e o conteúdo perfeito para ela, é aquele que ajuda o leitor a resolver um problema, ensinando e orientando o leitor a tomar a melhor decisão.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

PicPay compra 100% do Guiabolso com foco no open banking

Procon-SP: bancos deverão provar segurança dos aplicativos

Netflix altera preço da assinatura: confira os novos valores

Junção de Open Banking com Pix: tudo o que você precisa saber

Oportunidade: WTK Agro oferece 400 vagas de emprego

banQi pode liberar empréstimo pessoal para negativados e desbancarizados; entenda

Por que o Brasil sofre um aumento no preço do combustível?

Banco Bradesco eleva taxa de juros do financiamento imobiliário: saiba mais