Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta

Auxílio Emergencial: saque liberado para trabalhadores nascidos em outubro

Por Camila SilveiraPublicado em

A quarta parcela do Auxílio Emergencial 2021 está disponível para saque a partir desta segunda-feira (16) aos trabalhadores informais e inscritos no Cadastro Único. O dinheiro foi depositado nas contas poupança digitais da Caixa Econômica Federal no dia 28 de julho.

Agora, o recurso poderá ser transferido para uma conta corrente ou usado por meio do aplicativo Caixa Tem (iOS e Android). Na plataforma, o usuário consegue realizar o pagamento de contas de consumo, como água, luz, telefone e gás, de boletos, compras em lojas virtuais ou com o código QR Code em máquinas de cartão.

Em caso de dúvidas, você pode entrar em contato com a Central de Atendimento da Caixa pelo número 111. O horário de funcionamento é de segunda a domingo, das 07h às 22h. Além disso, é possível consultar outras informações pelo site auxilio.caixa.gov.br.

Imperdível
Sua chance de ter um cartão de crédito sem anuidade78.477 pessoas já pediram
Ver cartão
Encerra em 16:20

O saque estava previsto para ocorrer somente no dia 6 de setembro, porém foi antecipado em três semanas por decisão da Caixa. De acordo com o banco, a adaptação dos sistemas tecnológicos e dos beneficiários ao sistema de pagamento do Auxílio Emergencial permitiu o adiantamento do calendário.

Auxílio Emergencial

Criado em abril de 2020 pelo Governo Federal, o Auxílio Emergencial atende pessoas vulneráveis afetadas pela pandemia da Covid-19. No início ele foi pago em cinco parcelas de R$ 600 ou R$ 1,2 mil para as mães chefes de família e, depois, foi estendido até o dia 31 de dezembro de 2020 em quatro parcelas de R$ 300 ou R$ 600 cada.

Em 2021, uma nova rodada de pagamentos foi liberada, durante sete meses, com parcelas de R$ 150 a R$ 375, dependendo do perfil dos recebedores: famílias, em geral, recebem R$ 250; famílias chefiadas por uma mulher recebem R$ 375; e pessoas que moram sozinhas recebem R$ 150.

Calendário com as datas dos saques da quarta parcela do Auxílio Emergencial. Divulgação/ Caixa.

Critérios

O Auxílio Emergencial é pago às famílias que recebem até três salários mínimos por mês, desde que a renda por pessoa seja inferior a meio salário mínimo. Além disso, o beneficiário deve ter sido considerado elegível até dezembro de 2020.

O programa acabaria com a quarta parcela, depositada em julho e sacada em agosto de 2021, no entanto, o Governo Federal resolveu prorrogá-lo até outubro, com os mesmos valores para o benefício.

Descomplicamos?

Esperamos ter ajudado você com esse artigo. Em caso de dúvidas ou sugestões, deixe o seu comentário. Até mais!

    Gostou? Deixe seu curtir
    Compartilhe
    Camila Silveira

    Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, adora descomplicar os cartões de crédito, empréstimos, financiamentos, seguros, contas digitais, entre outros. Boa parte do seu trabalho é acompanhar a movimentação dos bancos e instituições financeiras para trazer as principais notícias do mercado.

    Ver todos os posts

    Deixe seu comentário

    Leia também

    Auxílio Emergencial: 650 mil pessoas terão de devolver o benefício

    Confira o calendário das novas parcelas do Auxílio Emergencial até outubro

    Auxílio Emergencial: saque liberado para trabalhadores nascidos em outubro

    4 países da Europa reabrem para turismo: veja as regras para entrada de brasileiros

    Liberado novo saque da 4ª parcela do Auxílio Emergencial: veja como sacar

    SP Acolhe: saiba tudo sobre o auxílio de R$ 300 e veja como se inscrever

    Governo de SP inicia pagamentos do ‘Vale Gás’ e ‘SP Acolhe’. Veja como sacar

    Prorrogação do Auxílio Emergencial 2021: o que mudará?