Foregon.comConteúdos

Bancos de investimentos: entenda como funciona

Por Camila SilveiraPublicado em
Compartilhe

Apesar de existirem diversos bancos de investimentos no Brasil, muitas pessoas possuem dúvidas sobre como eles funcionam no mercado. Afinal, é realmente a opção ideal para investir? Neste artigo, você vai conhecer as principais operações realizadas por essas instituições e entender a principal diferença entre elas e os bancos tradicionais.

Sobre os bancos de investimentos

Os bancos de investimentos do Brasil são instituições financeiras privadas, que permitem pessoas e empresas aplicarem dinheiro em diversas modalidades de ativos, tais como: Certificado de Depósito Bancário (CDB), Letras de Crédito (LCI) e (LCA), Letras de Câmbio, ações, entre outros. 

Diferentemente das instituições financeiras comuns, esses bancos são voltados especialmente para o universo de investimentos. Até porque, eles não possuem, nem mesmo, o costume de oferecer conta corrente para os seus clientes.

Imperdível
Sua chance de ter um cartão de crédito sem anuidade78.477 pessoas já pediram
Ver cartão
Encerra em 16:20

De acordo com o Banco Central do Brasil, órgão responsável por regulamentá-los, esses bancos são especializados em operações, como: participação societária de caráter temporário, financiamento de atividades produtivas e administração de recursos de terceiros.

Melhor dizendo, eles reúnem as pessoas que desejam investir com as que tomam empréstimos, atuando como intermediários financeiros. Caso você goste desse universo, tenha recursos sobrando e está pensando em investir, saiba que eles podem ser a opção ideal!

Como funcionam os bancos de investimentos?

Como nós dissemos anteriormente, eles são completamente voltados para o universo do investimento. Portanto, não recebem depósitos em conta e nem realizam outras transações como as das instituições tradicionais. Confira como os bancos de investimentos levantam seus próprios recursos:

  • Depósitos a prazo;
  • Repasses de recursos externos e internos;
  • Vendas de cotas de fundos de investimento.

Esses termos são um tanto quanto complicados e, talvez, seja difícil entender de imediato. Mas, para que você consiga ter uma melhor clareza, isso significa que, quando você utiliza esses bancos para investir, eles conseguem levantar recursos e, assim, podem emprestar dinheiro para outras pessoas.

Principais operações dos bancos de investimentos

Como você viu anteriormente, a captação de recursos dessas empresas geralmente acontece por meio da emissão de Certificados de Depósitos Bancários (CDB) e Recibos de Depósitos Bancários (RDB). Outra maneira é através das vendas de títulos e cotas em fundos de investimento. Confira os serviços que eles também podem oferecer:

  • Financiamento de atividades relacionadas à produção para suprimento de capital;
  • Operações com participações societárias;
  • Acessoria financeira;
  • Administração de capital de terceiros;
  • Empréstimos de médio e longo prazo;
  • Aquisição de valores e títulos imobiliários;
  • Emissão de títulos;
  • Emissão de debêntures;
  • Administração e venda de cotas de fundos de investimentos;
  • Depósitos Interfinanceiros (DI);
  • Repasse de empréstimos externos.

Bancos tradicionais

Existem dois tipos de bancos tradicionais: o comercial e o múltiplo. O banco comercial pode ser público ou privado e tem como propósito levantar recursos para financiar a indústria, o comércio, a prestação de serviços e as Pessoas Físicas. Eles levantam fundos por meio de depósito à vista, mais conhecida como conta corrente.

Enquanto os bancos múltiplos, instituições mais comuns do Brasil, são aqueles que a maioria das pessoas têm conta corrente ou poupança. Obtêm esse nome porque possuem duas carteiras: uma comercial e outra de investimentos. Até porque se acontecer algum problema com a sua conta corrente, o gerente pode te oferecer algum título para você investir, neste caso.

Gostou do conteúdo?

Esperamos que você tenha entendido mais sobre os bancos de investimentos do Brasil. Qualquer dúvida, deixe um comentário para nós e até a próxima!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe nas suas redes sociais

Camila Silveira

Estudante de Publicidade e Propaganda e Redatora na Foregon. É fascinada por músicas, livros, conversas e procura entender a real necessidade das pessoas para poder solucioná-la através de seu trabalho.

Ver todos os posts

Leia a seguir

  • Dicas financeiras

    Mibank: conheça

  • Dicas financeiras

    WhatsApp clonado: o que fazer?

  • Dicas financeiras

    Como calcular o valor de uma dívida?

  • Dicas financeiras

    O que é linha de crédito e como obter uma para sua empresa?

Ver mais conteúdos

Veja o que estão comentando

Principais conteúdos

Principais assuntos

  1. Home
  2. Conteúdo
  3. Dicas financeiras