Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta

Bandeira verde deixará a conta de luz mais barata?

Por Nara LimaPublicado em

Chegou ao fim a cobrança da bandeira de tarifária da escassez hídrica, a mais cara do sistema. O Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico (CMSE) anunciou que a bandeira tarifária de maio será verde para todos consumidores do Sistema Interligado Nacional, que abrange a maior parte do país.

A cobrança extra incide nas contas de luz desde setembro de 2021, como uma medida para desestimular o consumo e cobrir custos adicionais gerados pela falta de chuvas no período em questão.

Bandeira verde: o que muda para o consumidor?

Nos próximos meses, as principais distribuidoras devem passar por reajustes tarifários, e segundo previsão do governo, haverá redução de 20% na conta de luz do consumidor residencial. 

Desde setembro de 2021, a bandeira Escassez Hídrica, no valor de R$ 14,20 a cada 100 kWh consumidos, era a vigente. O valor extra cobrado na conta dos brasileiros foi essencial para compensar o período de escassez de recursos hídricos, o pior em 91 anos.

Entenda as bandeiras tarifárias 

O sistema de bandeiras tarifárias foi desenvolvido pela Enel para sinalizar o custo real da energia gerada, possibilitando aos consumidores o bom uso da energia elétrica. O funcionamento das bandeiras tarifárias é simples: as cores verde, amarela ou vermelha (nos patamares 1 e 2). Confira o que cada uma representa:

Homem desconfiado com a mão no queixo

Com o seu score calculado, você descobre o produto financeiro ideal para você!

Calcule o seu score de forma gratuita, rápida e segura e tenha acesso a centenas de cartões de crédito e outros produtos financeiros.
+ 1.267.543 milhões de pessoas já consultaram

Ao criar uma conta você aceita nossos termos de uso política de privacidade. Aceita também receber notificações por e-mail e SMS, que podem ser canceladas quando quiser.

  • Bandeira verde: a tarifa não sofre nenhum acréscimo;
  • Bandeira amarela: a tarifa sofre acréscimo de R$ 0,01874 para cada quilowatt-hora (kWh) consumido;
  • Bandeira vermelha – Patamar 1: a tarifa sofre acréscimo de R$ 0,03971 para cada kWh consumido.
  • Bandeira vermelha – Patamar 2: a tarifa sofre acréscimo de R$ 0,09492 para cada kWh consumido.

Dica Foregon

Apesar de diminuição no valor da conta de luz, economizar energia ainda é um passo essencial. Pensando nisso, separamos dois conteúdos que podem te dar uma forcinha nesse momento. Confira!

Até mais!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Nara Lima

Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, gosta de escrever sobre educação financeira. Preza pela facilidade da leitura e pela checagem das informações, buscando produzir um conteúdo de leitura simplificada e que sane as dúvidas do leitor.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

Bandeira verde deixará a conta de luz mais barata?

PicPay Card: anuncia fim da promoção de cashback de 5%

Conheça a nova função de consulta ao score de crédito do PicPay

Falha de sistema no C6 Bank resulta em desvio de R$ 23 milhões

Nova margem consignável para empréstimos em 2022 será de até 40% do benefício

Conheça as 8 mulheres mais ricas do Brasil em 2022

4 dos 10 bancos mais rentáveis do mundo são brasileiros

Saque extraordinário do FGTS: nascidos em fevereiro poderão sacar R$ 1 mil a partir do dia 30