Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta

Black Friday 2021: 7 dicas de como preparar seu e-commerce

Por Camila SilveiraPublicado em

A Black Friday 2021 acontecerá somente no dia 26 de novembro, no entanto, as empresas já estão se preparando com antecedência, afinal, essa é a principal data de comércio do mundo inteiro, que pode alavancar fortemente as vendas das lojas físicas e virtuais.

O que é a Black Friday?

Esse é um evento anual de compras, no qual as empresas varejistas preparam uma série de promoções e descontos super atrativos. Nesse período, as lojas online e físicas também aproveitam para oferecer outras vantagens, como parcelamento de compras e frete grátis.

Embora seja uma data específica (última sexta-feira do mês de novembro), o comércio normalmente estende a Black Friday por uma semana completa. 

Sabendo disso, se você deseja aproveitar esse período de promoções para vender mais e captar novos clientes, confira sete dicas de como preparar seu e-commerce!

Black Friday 2021: 7 dicas de como preparar seu e-commerce

1. Otimize a sua plataforma de e-commerce

O primeiro passo para ter mais visibilidade nos mecanismos de buscas e, como resultado, aumentar suas vendas é otimizar a sua plataforma de e-commerce

Sendo assim, invista na parte de SEO, que são as técnicas de otimização para melhor seu ranqueamento no Google e procure uma plataforma que seja desenvolvida em anúncios pagos.

Além disso, tenha em mente que, como a demanda por produtos e serviços aumentam muito no período da Black Friday, é importante que você também conte com uma plataforma que não trave, afinal, isso pode gerar uma experiência negativa para os visitantes.

2. Conte com o suporte das redes sociais

As redes sociais também devem entrar no planejamento de divulgação antes e durante a Black Friday, afinal, seus consumidores estão conectados às mídias o tempo todo, procurando por produtos, serviços e, principalmente, descontos!

Sabendo disso, use e abuse das redes, como Facebook, Instagram, YouTube, Pinterest, TikTok e WhatsApp para impactar o seu público de forma eficaz.

O WhatsApp, a propósito, é uma excelente ferramenta de vendas, visto que oferece um atendimento mais humanizado. Lembre-se: pessoas gostam de comprar de pessoas, e isso deve ser uma premissa básica do seu negócio!

3. Crie páginas para divulgação das promoções de Black Friday 2021

Uma data marcada pelas promoções merece uma divulgação extremamente potente e principalmente estratégica. Pensando nisso, crie páginas específicas de divulgação das suas ofertas, destacando:

  • Produtos;
  • Promoções;
  • Descontos;
  • Condições especiais, como parcelamento, frete grátis e cashback, por exemplo.

As famosas landing pages podem facilitar suas campanhas, afinal, esses links vão direcionar o usuário diretamente para a página de vendas. Para divulgar essas URLs, você pode trabalhar com tráfego pago no Google.

4. Prepare o estoque

Com vários descontos e promoções, você também precisa preparar o seu estoque para que sua loja seja capaz de suprir todos os pedidos de clientes. 

O ideal é focar em quantidade em vez de variedade, até porque na Black Friday, o maior diferencial é oferecer grandes descontos, e fazer isso com todos os produtos da loja não seria muito viável, correto?

Sendo assim, antes de comprar mais variedades de itens, veja quais produtos terão mais demandas no momento de ofertar aos clientes para que você não saia no prejuízo. Ao identificar que determinada mercadoria já vende bem em condições normais, a tendência é vender ainda mais com desconto.

Uma outra opção é selecionar os itens que estão parados em estoque e dar descontos maiores, para ter a oportunidade de vendê-los.

5. Ofereça o recurso de listas de desejo aos seus clientes

Essa é uma estratégia bastante simples, porém, muito eficaz, que é adotada por inúmeras empresas. Convide pessoas par criar a lista de desejos com os produtos que elas desejam comprar, pois assim, elas poderão monitorar os preços e fechar negócio caso a oferta seja interessante.

Procure monitorar as listas de sua base de clientes para entender quais são os produtos mais favoritados. Assim, você consegue oferecer bons descontos nesses itens para impulsionar as vendas.

Caso trabalhe com e-mail marketing, mande um para a sua base de clientes avisando sobre as ofertas e garanta um número expressivo de compras online.

Se o seu e-commerce não conta com esse recurso, mas você deseja obter resultados expressivos, talvez seja o momento de começar a utilizar esse tipo de ferramenta de venda para que seu negócio não fique atrás da concorrência.

6. Invista em atendimento

Um bom atendimento, agilidade no retorno ao cliente e uma boa reputação perante o consumidor são fatores primordiais em uma campanha na qual praticamente todo o comércio oferece descontos atrativos.

Ao preparar a sua loja virtual para a Black Friday 2021, garanta uma jornada completa. Melhor dizendo, pense em todas as etapas da venda e valorize a criação de ações que encantem os consumidores.

Crie um bom relacionamento com o seu público, sabendo o que o agrada e o veja o que pode ser feito para fidelizá-lo. Além disso, esteja pronto para resolver qualquer tipo de problema que possa aparecer.

A comunicação entre os canais de vendas deve ser aberta e disponível, a fim de esclarecer todas as dúvidas e  oferecer mais detalhes dos produtos. Além das vendas, a Black Friday também te dá a oportunidade de atrair o cliente e fidelizá-lo a partir da primeira experiência.

7. Ofereça descontos que valem a pena

Por fim, mas não menos importante: ofereça descontos verdadeiros. O termo "Black Fraude" se tornou popular porque algumas lojas usaram a data para ganhar vantagem e enganar seus clientes com descontos falsos.

No entanto, saiba que hoje em dia os consumidores estão mais espertos e exigentes. De acordo com um levantamento feito pelo Think With Google em 2018, 94% das pessoas pesquisam sobre produtos desejados antes de comprar.

Isso significa, portanto, que se uma loja está tentando maquiar o desconto oferecido, existem grandes chances dos consumidores notarem este comportamento por meio de pesquisas em comparadores de preço.

Sendo assim, garanta descontos atraentes e reais para que as suas vendas sejam um sucesso!

Gostou do conteúdo?

Esperamos ter ajudado você com esse artigo. Em caso de dúvidas ou sugestões, deixe o seu comentário para nós. Até a próxima!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Camila Silveira

Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, adora descomplicar os cartões de crédito, empréstimos, financiamentos, seguros, contas digitais, entre outros. Boa parte do seu trabalho é acompanhar a movimentação dos bancos e instituições financeiras para trazer as principais notícias do mercado.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

Conheça 6 vantagens em ser um microempreendedor individual

Dicas de como cobrar o seu cliente sem desgastar a relação

Qual a importância do Social Media dentro do seu negócio

Twitter lança cursos para auxiliar empresas a mensurar campanhas na plataforma

TikTok como ferramenta de negócios: guia completo

Empreendedorismo: por que separar o dinheiro pessoal do da empresa?

Como vender no iFood, Uber Eats e Rappi?

Black Friday 2021: 7 dicas de como preparar seu e-commerce