Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta

Bolsa Família: o décimo terceiro será pago em 2020?

Por Janaína TavaresPublicado em

No ano passado, o décimo terceiro do Bolsa Família foi pago para cerca de 13 milhões de famílias. Na época, essa foi uma medida para compensar os beneficiários do programa pela alta da inflação.

Mas será que agora o 13º será pago para neste ano? É o que você vai descobrir, logo a seguir no nosso artigo.

O décimo terceiro será pago em 2020 para o Bolsa Família?

O décimo terceiro dificilmente será pago ainda em 2020 para os beneficiários do Bolsa Família. Isso porque a Medida Provisória 898, que assegurava esse benefício no ano passado, perdeu sua validade em março de 2020 porque não foi votada a tempo pela Câmara e Senado.

Imperdível
Sua chance de ter um cartão de crédito sem anuidade78.477 pessoas já pediram
Ver cartão
Encerra em 16:20

Para explicar em detalhes essa situação, a primeira coisa que você precisa entender é que, em 2019, o governo Bolsonaro editou essa mesma MP para pagar o 13º no ano passado.

Neste período, a proposta era realizar o pagamento apenas uma única vez. Contudo, segundo informações do site G1, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) afirmou que o 13º seria anual. Com isso, foram aprovadas algumas mudanças dentro dessa MP para que o pagamento fosse permanente.

Porém, essas alterações acabaram perdendo a validade em março desse ano, justamente porque não passaram pela Câmara e Senado. Isso significa que, para os beneficiários receberem o décimo terceiro em 2020, seria preciso elaborar uma nova MP ou um projeto de lei para ser aprovado pelo Congresso.

Importante: vale lembrar que o décimo terceiro salário para o Bolsa Família foi uma das promessas de campanha de Bolsonaro, sendo que ela fez parte das metas a serem cumpridas nos 100 dias de governo.

Quem pode ter o Bolsa Família?

O Bolsa Família é um programa que foi desenvolvido pelo governo federal com o objetivo de ajudar famílias que vivem em situação de pobreza e de extrema pobreza. Dito, podem ser beneficias as famílias que:

  • Têm renda mensal de até R$ 89 por pessoa;
  • Têm renda mensal de até R$ 178 por pessoa, incluindo aqui gestantes ou crianças e adolescentes de até 18 anos.

Além disso, o valor total do pagamento não pode ultrapassar R$ 372 por família. Para saber mais informações a respeito, sugerimos a leitura do seguinte artigo:

Conteúdos úteis para você

Aproveite esse momento para explorar outros artigos da Foregon que também podem ser do seu interesse:

Descomplicamos?

Esperamos ter ajudado você. Em casos de dúvidas ou sugestões, envie seu comentário para que possamos responder. Até a próxima!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Janaína Tavares

Jornalista e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, a Janaína (ou Jana). Como redatora, ama os conteúdos sobre dicas financeiras. Preza pela checagem de todas as informações e o conteúdo perfeito para ela, é aquele que ajuda o leitor a resolver um problema, ensinando e orientando o leitor a tomar a melhor decisão.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

Instagram como ferramenta de negócios: guia completo

Como recarregar Bilhete Único pelo celular?

PicPay: como fazer cobranças pelo aplicativo?

Caixa abre 10 mil vagas de emprego para concursados, estagiários e aprendizes

Open Banking ou Open Finance: o que você precisa saber sobre esses sistemas

Não consegue guardar dinheiro? Conheça a “poupança por assinatura”

Golpe da revisão do INSS: veja como se proteger

Quer mudar de carreira? Confira essas dicas para trocar de profissão