Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta

CDB rende mais do que poupança?

Por Thais SouzaPublicado em

Mesmo que o rendimento da poupança seja baixo, muitas pessoas ainda optam por essa modalidade pela segurança e praticidade que ela oferece. Porém, com o passar dos anos, muitos começaram a conhecer outros investimentos que se mostraram mais atrativos para o investidor, como o caso do CDB. Mas, afinal, o que rende mais?

Essa é uma dúvida muito comum de quem está começando no mundo dos investimentos e já te damos a resposta: CDB rende mais do que a poupança.

Mas, para que você acerte na estratégia, antes é necessário conhecer melhor essas duas modalidades e seus rendimentos. 

Imperdível
Sua chance de ter um cartão de crédito sem anuidade78.477 pessoas já pediram
Ver cartão
Encerra em 16:20

O que é poupança? Qual a rentabilidade?

Também conhecida pelo nome "caderneta de poupança", essa aplicação é uma conta bancária, na qual o dinheiro aplicado rende uma quantidade de juros todos os meses. 

  • Se a Selic (taxa de juros básica) for menor ou igual a 8,5% ao ano, a poupança rende 70% da Selic mais a Taxa Referencial (TR);
  • Se a Selic for superior a 8,5% ao ano, ela tem rentabilidade fixa: 0,5% mais a TR.

Dependendo de como estiver a inflação no Brasil, o rendimento da poupança pode ser tão baixo que você pode perder dinheiro.

Além disso, o rendimento acontece no dia do aniversário da aplicação. Ou seja, se o valor for resgatado antes dessa data, você perderá todo juros acumulado.

O que é CDB? Qual a rentabilidade? 

Os CDBs (Certificados de Depósito Bancário) funcionam como uma espécie de empréstimo. Neste caso, o investidor compra títulos emitidos pelas instituições financeiras por um determinado período.

O banco, por sua vez, emite um CDB, uma espécie de certificado que representa o compromisso da instituição financeira em devolver o dinheiro emprestado com acréscimo de juros dentro do prazo determinado. 

A rentabilidade dos CDBs está atrelada percentualmente ao Certificado de Depósito Interbancário (CDI). Isso significa que o rendimento do CDB pode mudar. Porém, quanto mais longo é o vencimento do CDB, maior será sua rentabilidade.

CDB rende mais do que a poupança?

Em primeiro lugar, o CDB rende todos os dias e essa é uma das principais vantagens sobre a poupança, na qual é preciso esperar a data de aniversário da aplicação

Agora, falando de rentabilidade, enquanto a poupança rende 70% da Selic, o CDB rende até 120% do CDI. Confira o exemplo abaixo que explica melhor essa vantagem sobre a poupança: 

  • Investimento de R$ 50 mil na poupança durante seis meses: com a rentabilidade 70% da Selic, você lucrará aproximadamente R$ 835;
  • Investimento de R$ 50 mil em CDBs durante seis meses: com a rentabilidade de 120% do CDI, você lucrará R$ 1.339 durante o período.

Vantagens e desvantagens CDB

O lado bom

  • Prazo para resgate: alguns CDBs possuem um prazo pequeno para o resgate do rendimento e você não precisará deixar o valor aplicado por muito tempo;
  • Margem de garantia: os CDBs podem servir como margem de garantia caso um dia você resolva investir na Bolsa de Valores;
  • Garantido pelo FGC: conta com a proteção do Fundo Garantidor de Crédito (FGC), o que significa que você pode receber até R$ 250 mil em caso de falência da instituição financeira.

O lado não tão bom

  • Imposto de Renda: essa aplicação não é isenta do IR;
  • Prazo de carência: os títulos possuem prazo de carência e dentro desse período não é possível resgatá-los;
  • IOF: em casos de resgate antes de completar 30 dias do dinheiro investido haverá incidência do Imposto sobre Operações Financeiras (IOF).

Vantagens e desvantagens da poupança

O lado bom

  • Baixo custo: a conta poupança não cobra taxas administrativas e é isenta do Imposto de Renda;
  • Facilidade: você investe quanto quiser e na hora que quiser;
  • Garantido pelo FGC: conta com a proteção do Fundo Garantidor de Crédito (FGC), o que significa que você pode receber até R$ 250 mil em caso de falência da instituição financeira.

O lado não tão bom

  • Inflação: dificilmente a poupança supera a inflação e você pode perder seu rendimento;
  • Remuneração: se o investidor fizer o resgate antes do aniversário da poupança, perderá seus rendimentos;
  • Rendimento: o rendimento é baixo.

Dica Foregon

Agora que você já sabe que o CDB rende mais que a poupança, que tal conferir qual o seu perfil de investidor para aplicar com mais assertividade?

Deixe seu comentário caso tenha ficado com alguma dúvida e até a próxima! 

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Thais Souza

Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, se identifica com conteúdos relacionados a investimentos e empréstimos e acredita que esse tipo de conhecimento pode mudar a vida das pessoas. Busca impactar a vida dos usuários que buscam resolver um problema ou conhecer melhor um produto ou serviço financeiro.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

Conheça os 10 carros mais econômicos do Brasil

Reconhecimento facial: o que é e como funciona

Anywhere office: conheça o novo modelo de trabalho flexível

Pix: da facilidade nas transações ao crescimento nos golpes e mudança nas regras

Hotmart realmente dá dinheiro? Descubra agora mesmo

Iti Itaú: como ganhar dinheiro com a carteira digital

5 práticas de gestão financeira para empresas de sucesso

Saiba como remover os dados do cartão de crédito no Google Chrome