Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta

Ceará Credi oferece cursos de capacitação para interessados em empréstimo

Por Camila SilveiraPublicado em

Os cursos de capacitação para quem tem interesse em empréstimos já estão disponíveis na plataforma oficial do Ceará Credi. O programa, que já conta com R$ 100 milhões, pretende conceder empréstimos de R$ 5 mil a R$ 500 mil para apoiar microempreendedores e trabalhadores do estado do Ceará.

Os cursos "Desvendando o crédito" e "Ceará Credi – Ajudando você a pensar no seu negócio" são obrigatórios para quem pretende iniciar uma atividade produtiva. Após as aulas, o empreendedor deverá receber um certificado digital e seguir com o cadastro para a etapa de agendamento por um agente de crédito.

Os demais cursos oferecidos pelo Ceará Credi são opcionais e estão disponíveis na plataforma para todos os empreendedores interessados. São eles: "Como organizar suas finanças em crise", "Por que você e todo mundo pode empreender", "Como cuidar do dinheiro do negócio", "Formalização para mulheres empreendedoras" e "Marketing digital para mulheres empreendedoras".

Imperdível
Sua chance de ter um cartão de crédito sem anuidade78.477 pessoas já pediram
Ver cartão
Encerra em 16:20

Mais de 24 mil cadastros

Mais de 24 mil empreendedores de todas as regiões do estado realizaram cadastro na plataforma. Esses cadastros foram distribuídos para a etapa do agendamento da visita presencial ou entrevista virtual, por meio de contato realizado pelo agente de crédito via telefone ou WhatsApp.

De acordo com a diretora da Agência de Desenvolvimento do Estado do Ceará (Adece), Silvana Parente, a entrevista será uma conversa entre o agente e o empreendedor sobre dados do negócio e as condições para a aprovação do empréstimo.

"É preciso que o candidato tenha em mãos todas as informações necessárias, como atividade a ser desenvolvida, valor do empréstimo desejado, em que irá aplicar o dinheiro, quem será o avalista (em caso de empréstimo individual), informações sobre o grupo solidário, quem são os outros participantes (em caso de empreendimento de produção coletiva), valor das vendas por mês, gasto mensal e quanto acha que pode pagar mensalmente pelo empréstimo", aconselha Silvana.

Depois que o interessado realizar a entrevista, a aprovação e liberação do empréstimo passarão por uma análise do supervisor. O contrato poderá ser firmado presencialmente ou por meio de uma assinatura virtual, e o crédito será liberado na conta digital criada no aplicativo E-Dinheiro, disponível para celulares Android.

Descomplicamos?

Esperamos ter ajudado você com esse conteúdo. Em caso de dúvidas ou sugestões, deixe o seu comentário para nós. Até a próxima!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Camila Silveira

Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, adora descomplicar os cartões de crédito, empréstimos, financiamentos, seguros, contas digitais, entre outros. Boa parte do seu trabalho é acompanhar a movimentação dos bancos e instituições financeiras para trazer as principais notícias do mercado.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

Saiba o que a nova lei do Superendividamento muda na sua vida

Conheça o empréstimo com garantia de veículo do Banco do Brasil

BB Crédito Estruturado: conheça o empréstimo que usa seus investimentos como garantia

Banco do Brasil: conheça a modalidade de Empréstimo Automático

Está precisando de uma grana extra? Faça a antecipação do 13º salário

Pensou em solicitar um empréstimo? Confira 5 cuidados que você deve ter

Como fazer portabilidade de empréstimo para o Banco do Brasil

Empréstimo consignado: confira dicas para não cair em armadilhas