Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos

Com 13% do previsto circulando, nota de R$ 200 pode ser extinta

Por Thais SouzaPublicado em

Lançada pelo Banco Central em setembro de 2020 para aumentar a circulação do dinheiro físico, muitos brasileiros sequer viram pessoalmente a nota de R$ 200. Com penas 13% do previsto pelo BC em circulação, a nova nota pode acabar sendo extinta. Continue a leitura para entender todos os detalhes. 

Nota de R$ 200: confira detalhes sobre o lançamento 

A criação da nota de R$ 200 foi anunciada com urgência pelo Banco Central em 2020. Isso se deu por conta do pagamento do Auxílio Emergencial, que ampliou o volume de dinheiro guardado em espécie, como uma reserva de emergência, diminuindo drasticamente a circulação de dinheiro físico no país.

O animal escolhido para ilustrar a nota foi o lobo-guará. A estimativa é que no Brasil vivam cerca de 24 mil lobos-guará, com maior concentração no Cerrado.

Imperdível
Sua chance de ter um cartão de crédito sem anuidade78.477 pessoas já pediram
Ver cartão
Encerra em 16:20

Segundo o Banco Central, foi necessário R$ 113,4 milhões na produção de 450 milhões de notas de R$ 200, que terão valor equivalente a R$ 90 bilhões.

Nota de R$ 200 pode sair de circulação 

Apesar do Banco Central anunciar a disponibilização de 450 milhões de cédulas de R$ 200 até o final de 2020, somente 57,3 milhões das notas estão circulando, apenas 13% do que estava previsto.

Por um erro em sua estratégia, a nota de R$ 200 pode deixar de ser fabricada. Isso porque, com a criação do sistema de pagamentos Pix, o brasileiro percebeu as facilidades de realizar transações financeiras digitais, abrindo mão do dinheiro físico. 

Outro motivo para o insucesso da nota é o acesso da população mais pobre aos aplicativos de banco, ocasionado pelo pagamento do Auxílio Emergencial via contas digitais abertas pela Caixa Econômica Federal. Para se ter uma ideia, mais de 50 milhões de brasileiros desbancarizados foram inseridos no âmbito digital.

Além disso, segundo a ação civil pública protocolada pela DPU e a Organização Nacional de Cegos do Brasil, a nova nota de R$ 200 não possui acessibilidade, o motivo? As cédulas têm as mesmas dimensões da nota de R$ 20, além de não seguirem os critérios das demais notas lançadas anteriormente pelo BC, o que pode inviabilizar a identificação por parte de pessoas com deficiência visual.

O próprio Ministro da Economia, Paulo Guedes, anunciou que a nota poderia ser extinta em breve. "Essa nota grande foi inventada porque nós tínhamos um problema logístico de pagar as pessoas. As pessoas mais simples não tinham as ferramentas digitais, tinha que dar o dinheiro físico. E quando dava o dinheiro ele ficava entesourado. Nós tivemos que criar uma nota alta na contramão do mundo. No futuro, vai acabar o lobo-guará". 

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo 

Você sabia que sua opinião é muito importante para nós? Caso tenha alguma dúvida, sugestão, elogio ou reclamação, deixe seu comentário abaixo que entraremos em contato com você. Até a próxima!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Thais Souza

Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, se identifica com conteúdos relacionados a investimentos e empréstimos e acredita que esse tipo de conhecimento pode mudar a vida das pessoas. Busca impactar a vida dos usuários que buscam resolver um problema ou conhecer melhor um produto ou serviço financeiro.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

Copom eleva Taxa Selic a 3,50% ao ano: veja as consequências para economia

Saiu! Governo divulga calendário de pagamento da antecipação do 13º salário

Revisão do FGTS pode gerar dinheiro extra aos trabalhadores: veja como solicitar

WhatsApp Pay: saiba quais são os bancos parceiros

Governo de SP vai distribuição cartões alimentação para famílias em situação de vulnerabilidade

Pronampe 2021: linha de crédito para pequenas empresas

Conta bloqueada no App Caixa Tem pode ser liberada nas lotéricas

Abertura de vagas de emprego cresce 45%; confira os cargos em alta