Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta

Comércios do estado de SP poderão atender das 6h às 20h a partir de sábado

Por Thais SouzaPublicado em

Na última quarta-feira (28), o governador do estado de São Paulo anunciou a prorrogação da fase de transição do Plano São Paulo por mais uma semana. Além de prorrogar as medidas até o dia 9 de maio, João Doria também decidiu estender o horário de funcionamento dos comércios e serviços não essenciais. Continue a leitura para conferir os detalhes. 

Comércios do estado de SP terão horário estendido

A nova flexibilização da quarentena no estado de São Paulo vai começar a partir de sábado, 1 de maio. Nessa fase de transição, lojas, shoppings, restaurantes, salões de beleza, academias, clubes e espaços culturais como cinemas, teatros, museus outros estabelecimentos poderão funcionar das 6h às 20h, seis horas a mais do que o atual das 11h às 19h.

Para evitar aglomerações, a capacidade máxima de ocupação nos estabelecimentos liberados será de 25%. Além de adotar políticas de distanciamento, o comércio e o setor de serviços não essenciais devem disponibilizar álcool em gel e proibir a entrada de pessoas sem máscara.

Imperdível
Sua chance de ter um cartão de crédito sem anuidade78.477 pessoas já pediram
Ver cartão
Encerra em 16:20

O governo decidiu manter o toque de recolher, que se inicia às 20h e termina 5h. A medida está valendo nas 645 cidades do estado de São Paulo. 

João Doria declarou ainda que essa flexibilização nos horários de funcionamento faz parte de um processo de reabertura gradual e segura da economia. As novas regras vão valer até o dia 9 de maio, quando haverá uma nova avaliação do avanço ou recuo da pandemia no estado. 

"Damos a continuidade, gradual e segura, da abertura da economia do estado de São Paulo, para recuperar empregos e dar oportunidades para os brasileiros do nosso estado de terem acesso à renda, ao salário e à dignidade em suas vidas. Estamos evoluindo, mas não liberando. Siga as regras sanitárias para proteger as suas vidas e de seus familiares", disse o governador.

A decisão de flexibilizar a quarentena em todo estado foi resultado de uma leve queda na taxa de internações causadas pelo Covid-19. 

Veja o que muda a partir de 1 de maio

  • Shoppings e comércio: funcionamento das 6h às 20h, com limitação do público de até 25% da capacidade total;
  • Restaurantes e lanchonetes: atendimento presencial das 6h às 20h, com limitação do público de até 25% da capacidade total;
  • Cultos, missas e outras atividades religiosas: poderão ser realizados das 6h às 20h, com distanciamento, controle de acesso e limitação do público de até 25% da capacidade total;
  • Salões de beleza e cabeleireiros: funcionamento das 6h às 20h, com limitação do público de até 25% da capacidade total;
  • Cinemas, teatros, museus, eventos e convenções: poderão funcionar com distanciamento, das 6h às 20h, com limitação do público de até 25% da capacidade total;
  • Academias, clubes e centros esportivos: poderão funcionar initerruptamente das 6h às 20h, com limitação do público de até 25% da capacidade total, e apenas para atividades físicas individuais agendadas;
  • Parques: poderão funcionar das 6h às 18h;
  • Bares: não estão liberados para atendimento presencial, apenas se também oferecerem serviço de restaurante. O público deve permanecer sentado, com serviço de alimentação para acompanhar as bebidas, respeitando a recomendação de 25% da capacidade.

Leia também 

No blog da Foregon você fica por dentro desses e outros assuntos relacionados ao estado de São Paulo. Aproveite e confira também: 

Até a próxima! 

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Thais Souza

Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, se identifica com conteúdos relacionados a investimentos e empréstimos e acredita que esse tipo de conhecimento pode mudar a vida das pessoas. Busca impactar a vida dos usuários que buscam resolver um problema ou conhecer melhor um produto ou serviço financeiro.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

Banco Bradesco eleva taxa de juros do financiamento imobiliário: saiba mais

Reforma Tributária: vale-refeição e vale-alimentação estão em risco?

Alto Tietê reúne mais de 480 vagas de emprego; confira

Caern permitirá pagamento e parcelamento de contas no cartão de crédito

Prazo para a contestação do Auxílio Emergencial vai até dia 24

Fortuna da família Trajano cresce R$ 6 bilhões após Magalu comprar KaBum!

Plano Safra: ampliação de crédito vai beneficiar o setor de energia solar, diz Absolar

Cartão LATAM Pass Itaucard Visa Infinite está liberado para todos os consumidores; saiba mais