Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta

Como calcular o rendimento da poupança?

Por Camila SilveiraPublicado em

Como o rendimento da poupança varia de acordo com a Taxa Selic, que atualmente está em queda, podemos dizer que ela pode não ser a melhor opção para você guardar o seu dinheiro.

De acordo com o Copom, a Selic diminuiu para 2% em 5 de agosto de 2020, e o rendimento atualizado da poupança passou a ser de apenas 1,4% ao ano. Você sabe o que isso significa? Continue a leitura.

Taxa Selic e o rendimento da poupança hoje

Com a Selic em 1,4% ao ano, significa que manter R$ 1.000 parados na poupança durante 12 meses vai resultar em um ganho de apenas R$ 14,00 neste período.

Imperdível
Sua chance de ter um cartão de crédito sem anuidade78.477 pessoas já pediram
Ver cartão
Encerra em 16:20

Além do retorno baixo, é preciso descontar a inflação para saber qual é o ganho real com a aplicação. Portanto, se a inflação ficar acima de 1,4% (o índice atual é de 4,52%), significa que o seu dinheiro perde o valor ao deixá-lo na poupança.

Apesar disso, é importante saber que existem diversas outras alternativas que também são seguras, e que oferecem maiores rentabilidades. Ao longo do artigo, você vai conhecê-las e escolher qual é a melhor opção para você.

Mas, afinal, o que é a poupança?

A poupança é uma conta bancária que possui um limite de transações por mês e que oferece ao cliente um pequeno rendimento mensal.

Uma das aplicações mais populares entre os brasileiros,a poupança é uma escolha de 65% das pessoas que desejam guardar dinheiro, de acordo com uma pesquisa realizada em 2019 pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC).

Sendo assim, ao guardar dinheiro em uma conta poupança, aberta em qualquer instituição financeira que ofereça esse tipo de aplicação, você recebe um rendimento mensal, cuja taxa de juros é determinada e regulada pelo Banco Central do Brasil.

Vantagens e desvantagens da poupança

Sobre as vantagens, a poupança representa uma aplicação financeira extremamente segura, simples e acessível. Afinal, qualquer pessoa pode ter uma conta bancária dessa categoria e não pagar nenhuma taxa, nem mesmo de manutenção. 

Como investimento, ela também oferece liquidez diária (você pode sacar o seu dinheiro quando quiser), a isenção do Imposto de Renda e a proteção do Fundo Garantidor de Crédito (FGC) até o limite de R$ 250 mil por CPF ou CNPJ.

Apesar disso, vale lembrar que esses benefícios não são exclusivos da poupança. 

Sobre as suas desvantagens, a poupança não funciona como uma conta corrente normal, pois ela possui limites no número de transações, no tipo delas e nos valores envolvidos. Além disso, conta uma baixa rentabilidade, que só incide sobre o saldo na data de aniversário da poupança.

Melhor dizendo, os depósitos são remunerados a cada 30 dias, portanto, se você aplicar R$ 1 mil na poupança hoje e sacar R$ 900 em 20 dias, esse valor não terá sofrido alteração alguma.

De modo geral, é necessário entender que não existe nenhuma aplicação financeira de renda fixa com um rendimento tão baixo como o da poupança.

Saiba qual é o rendimento da poupança hoje

De acordo com a regra da caderneta de poupança, a sua rentabilidade deve ser calculada com base na Taxa Selic e na Taxa Referencial (TR).

Até o momento, o Comitê de Política Monetária (Copom) mantém a Selic fixada em seu menor patamar histórico, de 2% ao ano (dados de agosto de 2020). A Taxa Referencial segue em 0% desde 2017.

Sendo assim, o cálculo dos juros da poupança é feito considerando 70% da Taxa Selic + TR, o que representa um rendimento de 1,4% ao ano ou 0,11% ao mês.

Como é feito o cálculo do rendimento da poupança?

Primeiramente, devemos entender que em 2012 foi estabelecida uma nova regra para os cálculos do rendimento da poupança. Para calcular a sua rentabilidade, é necessário saber a data do depósito, pois dependendo dela, a regra dos juros aplicados pode alterar.

Regra nova

Para depósitos na conta poupança a partir do dia 4 de maio de 2012 e se a Selic estiver igual ou abaixo de 8,5%, o rendimento da poupança é de 70% da Selic + Taxa Referencial. Por outro lado, caso a Taxa Selic esteja acima de 8,5% ao ano, o rendimento da poupança é de 0,5% ao mês + Taxa Referencial.

Regra antiga

Para depósitos realizados antes do dia 4 de maio de 2012, o rendimento da poupança é fixado em 0,5% ao mês + Taxa Referencial. A poupança como regra antiga possui a rentabilidade de 6,16% ao ano, o que é um bom rendimento nos dias de hoje.

Quanto a poupança rende por mês?

Vamos imaginar dois exemplos: se você tem uma conta poupança e decide depositar um valor de R$ 1.000, após um ano, você terá um total de R$ 1.014,00. Afinal o juros anual dessa aplicação é de 1,4%.

Agora, se você deposita esse mesmo valor na conta e retira após 30 dias, essa quantia será de R$ 1.001,10. Isso porque o juros mensal dessa aplicação é de 0,11%. Deu para compreender?

Histórico de quando rende a poupança no Brasil

Como dissemos anteriormente, a poupança é uma das aplicações financeiras mais populares entre os brasileiros, porém, essa preferência não se dá pela rentabilidade. De forma geral, boa parte da população acredita que essa é uma forma segura e fácil de guardar dinheiro, pois todos os procedimentos podem ser feitos em qualquer banco.

Mesmo com o confisco do dinheiro dos poupadores na década de 90, pela então Ministra da Fazenda, Zélia Cardoso, conhecer quanto rende a poupança ainda desperta o interesse de muitas pessoas. 

As justificativas para tal curiosidade são a segurança financeira, rendimentos estáveis e falta de conhecimento sobre outros tipos de investimentos.

E, para entender porque o rendimento da poupança está cada vez menos satisfatório, confira o desempenho histórico dela nos últimos 20 anos.

Ano Retorno absoluto (%) Retorno real descontada a inflação (%)
2000 8,32% 2,21%
2001 8,63% 0,89%
2002 9,27% -2,90%
2003 11,21% 1,75%
2005 9,21% 3,33%
2006 8,40% 5,10%
2007 7,77% 3,17%
2008 7,90% 1,89%
2009 7,05% 2,63%
2010 6,90% 0,94%
2011 7,50% 0,94%
2012 6,47% 0,60%
2013 6,37% 0,43%
2014 7,16% 0,71%
2015 8,07% -2,34%
2016 8,07% -2,34%
2017 6,57% 3,62%
2018 4,55% 1,12%
2019 4,26% -0,05%

O retorno absoluto, também conhecido como nominal, considera o desempenho da caderneta ao longo do ano e não apenas o seu fechamento. Já o rendimento real significa o retorno descontado do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (IPCA). Melhor dizendo, é o valor que vem efetivamente para o seu bolso.

Rendimento da poupança em 2019

Assim como no ano de 2020, a poupança rendeu menos que a inflação em 2019, que estava em 4,31%, rendendo apenas 4,26% ao ano.

A Taxa Selic de 2019 sofreu diversos cortes que fizeram com que os 6,5% do início do ano terminassem em 4,5% no final do ano. Sendo assim, como a rentabilidade da poupança está associada a essa taxa, ela acabou sofrendo grandes impactos negativos.

Mercado aumenta projeção para Taxa Selic em 2021

A expectativa do mercado financeiro é que a taxa básica de juros suba em 2021 e encerre o ano em 3,75% ao ano. Em fevereiro deste ano, a estimativa era de 3,50%, de acordo com o boletim Focus, pesquisa divulgada semanalmente pelo Banco Central (BC), com a projeção para os principais indicadores econômicos.

Para o fim de 2022, a estimativa é que a Taxa Selic fique em 5% e para o fim de 2023 e 2024, a previsão é de 6% ao ano. A taxa básica, determinada atualmente em 2% ao ano pelo Copom, é o principal instrumento utilizado pelo Banco Central para alcançar a meta de inflação.

Qual investimento é melhor que a poupança?

  • Tesouro Direto;
  • Certificado de Depósito Bancário (CDB);
  • Letras de Crédito Imobiliário (LCI);
  • Letras de Crédito do Agronegócio (LCA);
  • Letras de Crédito (LC);
  • Debêntures.

Se você deseja entender todos os detalhes sobre esses tipos de investimentos, acesse o nosso artigo "5 investimentos melhores que a poupança" e saiba qual dessas opções atende melhor os seus objetivos financeiros.

Perguntas frequentes sobre a poupança

Qual é o rendimento da poupança hoje?

O rendimento da poupança hoje é de 1.4% ao ano, cuja taxa de juros mensal é de 0,11%.

Quanto rende R$ 1.000 na poupança por mês?

Se você aplicar R$ 1.000 hoje na poupança, daqui um mês terá acumulado apenas R$ 1,10. Isso porque o juros mensal da poupança hoje é 0,11%. Portanto, no próximo mês terá um total de R$ 1.001,10.

Quanto rende a poupança por mês?

A poupança rende por mês 0,11%

Gostou do conteúdo?

Esperamos ter ajudado você com esse conteúdo. Em caso de dúvidas ou sugestões, deixe o seu comentário para nós e até a próxima!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Camila Silveira

Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, adora descomplicar os cartões de crédito, empréstimos, financiamentos, seguros, contas digitais, entre outros. Boa parte do seu trabalho é acompanhar a movimentação dos bancos e instituições financeiras para trazer as principais notícias do mercado.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

Pensando em operar na bolsa? Confira os melhores livros sobre Day Trade

Segurança: saiba como colocar senha no WhatsApp

Conheça o Anthor, aplicativo que conecta empresas a prestadores

WhatsApp Pay: confira 8 vantagens desse tipo de pagamento

Mercado Pago: guia completo

Tipos de carro: principais características e diferenças

5 livros que mudarão sua vida financeira

3 conselhos básicos para alcançar a liberdade financeira