Foregon.comConteúdos

Como calcular o valor de uma dívida?

Janaína TavaresPublicado em

Você já perdeu o controle das suas finanças pessoais alguma vez? Apesar de não ser algo bom, esse é um comportamento financeiro que pode acontecer com qualquer pessoa. Por isso, é importante manter o controle do seu orçamento e saber exatamente qual o valor das suas dívidas.

Dessa forma, você entende o valor total dos seus débitos e, ainda, consegue identificar quais deles possuem as taxas de juros mais elevadas. Por isso, acompanhe a leitura do artigo e conheça nossas dicas para que você calcule suas pendências financeiras do jeito certo.

Como descobrir e calcular o valor da sua dívida?

Para descobrir e calcular o valor da sua dívida, será essencial organizar todos os seus débitos em um só lugar. Pode ser em um caderno ou até mesmo numa planilha do Excel, o importante aqui é fazer o registro dessas dívidas.

Imperdível
Sua chance de ter um cartão de crédito sem anuidade78.477 pessoas já pediram
Ver cartão
Encerra em 16:20

Nesse momento, verifique todas as contas que você possui como, por exemplo, cartão de crédito, boletos, empréstimo, financiamento, juros dessas pendências e muito mais.

Organize tudo isso e some os valores para chegar ao valor total das suas dívidas. Além disso, você também pode anotar em outro documento os seus ganhos, salário, renda extra e sua reserva de emergência.

Dessa forma, vai ficar mais fácil para você entender quanto deve, quanto recebe e uma possível previsão de quando conseguirá quitar os seus débitos.

Como quitar o valor da sua dívida?

Quando você finalizar o cálculo do valor da sua dívida, chegou a hora de pensar nas possibilidades de pagamento dessa pendência. Portanto, veja o que você pode fazer:

  • Negocie suas pendências: o melhor caminho é procurar a empresa credora e tentar negociar o débito com ela, de uma maneira amigável. Basta fechar um acordo que seja favorável para as duas partes e pagar o boleto;
  • Antecipe as parcelas da dívida: para quitar o valor da sua dívida, que tal optar pela antecipação de parcelas? Veja, primeiro, se você tem condições financeiras para fazer isso;
  • Tenha uma reserva de emergência: se a dívida precisa ser paga o quanto antes, use sua reserva de emergência para quitar totalmente esse débito.

Como evitar novas dívidas?

Mesmo que você tenha alguma dívida, isso não significa que você está com problemas. O importante é saber controlar o seu orçamento e gastar apenas aquilo que está dentro das suas condições atuais. Sendo assim, vale a pena:

  • Evitar comprar por impulso;
  • Ter o hábito de poupar todo mês para investir;
  • Não exagerar nas compras com cartão de crédito;
  • Usar seu dinheiro com mais responsabilidade e sabedoria;
  • Fazer um planejamento financeiro eficiente;
  • Anotar as suas despesas do mês.

Conteúdos úteis para você

Antes de ir, continue sua jornada aqui na Foregon e conheça outros artigos que também podem ser do seu interesse:

Descomplicamos?

Esperamos ter ajudado você com o nosso conteúdo. Em casos de dúvidas sobre como calcular o valor da sua dívida, envie sua pergunta para que possamos responder. Até a próxima!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Janaína Tavares

Jornalista e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, a Janaína (ou Jana). Como redatora, ama os conteúdos sobre dicas financeiras. Preza pela checagem de todas as informações e o conteúdo perfeito para ela, é aquele que ajuda o leitor a resolver um problema, ensinando e orientando o leitor a tomar a melhor decisão.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

Reserva de emergência: guia completo

Os melhores filmes e séries que falam sobre o universo financeiro

Como ser um empreendedor de sucesso: guia completo

Itaú: demora para cair uma transferência entre contas do mesmo banco?

Como escolher o melhor cartão de crédito: guia completo

Conheça o Banco Modal e seus diferenciais

Bolsa Família: o décimo terceiro será pago em 2020?

OLX: plataforma oferece empréstimo em parceria com a EasyCrédito

  1. Home
  2. Conteúdo
  3. Dicas financeiras