Foregon.comConteúdos

Como deixar de pagar tarifas bancárias?

Por Janaína TavaresPublicado em
Compartilhe

Sabe todas aquelas taxas que são cobradas para que você utilize os serviços do seu banco? Elas são as famosas tarifas bancárias e, por isso, podem acabar prejudicando o seu orçamento, dependendo da quantidade de cobrança e dos seus respectivos valores.

Contudo, existem algumas formas de pagar cada vez menos por essas tarifas bancárias. Portanto, se você quiser descobrir como fazer isso na prática, é só continuar com a leitura do nosso artigo.

Como deixar de pagar tarifas bancárias?

O primeiro passo para se livrar dessas tarifas é entendendo muito bem quais são os valores cobrados e em quais momentos a instituição financeira cobra essas taxas de você.

Imperdível
Sua chance de ter um cartão de crédito sem anuidade78.477 pessoas já pediram
Ver cartão
Encerra em 16:20

Sendo assim, o ideal é entrar em contato com o banco e perguntar tudo sobre os tipos de tarifas existentes na sua conta.

Melhor ainda, antes de aceitar os termos do contrato, leia ele com muita calma e atenção. Assim, você já sabe exatamente quais serão os serviços pagos e gratuitos.

Importante: saiba que os valores cobrados podem variar de acordo com o perfil do consumidor e os serviços que ele mais usa no dia a dia.

Contas que não cobram tarifas bancárias

Segundo as regulamentações do Banco Central (BC), todo banco é obrigado a ofertar um pacote essencial gratuito e outros quatro pacotes de serviços básicos. Nesta última opção, cada instituição financeira tem liberdade para cobrar o valor que quiser.

Por outro lado, no pacote essencial, o banco tem que garantir os seguintes serviços gratuitos por mês:

  • Quatro saques;
  • Duas transferências entre contas do mesmo banco;
  • Dois extratos impressos; 
  • Até dez folhas de cheques. 

Conta salário

Outra alternativa que isenta o cliente de pagar tarifas bancárias é a conta salário, indicada para quem recebe salário em um banco, mas prefere manter conta em outra instituição.

Apesar de disponibilizar funções interessantes, como sacar o dinheiro no caixa ou terminal eletrônico e transferir todo o salário para outro banco, essa opção tem um formato bem limitado. Isso porque essa conta serve exclusivamente para receber os valores pagos pelo seu chefe.

Contas digitais

Já esta é uma modalidade de conta que traz muita comodidade e agilidade para as suas transações bancárias. Com a ajuda de uma conta digital, você poderá aproveitar diversos serviços ilimitados e gratuitos, desde que eles sejam utilizados por meios eletrônicos.

No entanto, é importante observar que nem sempre todos os serviços são gratuitos, já que algumas instituições financeiras podem impor limites de uso para o cliente.

Como nunca mais pagar TED e DOC?

Tanto a Transferência Eletrônica Disponível (TED), como o Documento de Ordem de Crédito (DOC) são dois meios de transferência bancária.

A principal diferença entre ambos, além do valor máximo, é o dia em que o dinheiro pode ser creditado na conta do beneficiário. No DOC, o valor será creditado somente no dia seguinte, na TED, ele é creditado em poucos minutos.

Vale ressaltar ainda que cada banco tem o direito de decidir o quanto quer cobrar de DOC ou TED para os clientes.

Mas, o modo mais eficaz de evitar ao máximo o pagamento dessas transferências é optando por abrir uma conta em um banco digital que, normalmente, proporciona DOC e TED ilimitados e gratuitos.

Como economizar R$ 300 de tarifas bancárias?

Em um banco tradicional, talvez seja mais difícil de economizar esse valor. Por outro lado, bancos digitais como o Nubank, Inter, dentre outros, podem oferecer mais facilidades para que você economize de uma forma cada vez mais eficiente.

Para descomplicar sua vida, elaboramos esse conteúdo que pode agregar ainda mais para você:

Quanto economizar por ano em média com tarifas de banco?

De acordo com um levantamento feito pelo aplicativo de finanças pessoais Guiabolso, só no ano de 2019 o consumidor brasileiro gastou em média R$ 915 com tarifas bancárias e anuidade do cartão de crédito.

Isso significa que você pode economizar, praticamente, mais da metade de um salário mínimo. Mesmo assim, é sempre bom avaliar que, dependendo dos gastos de manutenção da sua conta, você tem acesso a mais benefícios exclusivos.

Por isso, nossa recomendação é que você analise o seu perfil de consumidor. Veja se realmente compensa ou não manter uma conta aberta que cobra mais taxas ou abrir em um banco digital que isenta você de algumas tarifas.

Conteúdos que você precisa conhecer

Que tal explorar outros artigos da Foregon? Fizemos uma seleção especial para você:

Descomplicamos?

Agora que você já sabe como se livrar das tarifas bancárias, não esqueça de deixar seu comentário aqui em casos de dúvidas ou sugestões. Até a próxima!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe nas suas redes sociais

Janaína Tavares

Jornalista e produtora de conteúdo, é Redatora na Foregon. Apaixonada por cinema e pelo mundo asiático, seu foco está em entregar textos úteis e inspiradores.

Ver todos os posts

Leia a seguir

  • Dicas financeiras

    Mibank: conheça

  • Dicas financeiras

    WhatsApp clonado: o que fazer?

  • Dicas financeiras

    Como calcular o valor de uma dívida?

  • Dicas financeiras

    O que é linha de crédito e como obter uma para sua empresa?

Ver mais conteúdos

Veja o que estão comentando

Principais conteúdos

Principais assuntos

  1. Home
  2. Conteúdo
  3. Dicas financeiras