Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta

Como funciona a calculadora de rendimento da poupança?

Por Sabrina VansellaPublicado em

No mês de maio, os depósitos na poupança superaram os saques, o que mostra o favoritismo dos brasileiros pela caderneta mesmo com seu rendimento limitado. Infelizmente, no Brasil, muitas pessoas não sabem como calcular o retorno deste investimento. Pensando nisso, hoje, vamos te ensinar a utilizar a calculadora de rendimento da poupança disponibilizada pelo Banco Central.

Como funciona a calculadora de rendimento da poupança?

O Banco Central do Brasil (BACEN), tem à disposição de seus investidores uma calculadora online. Com um layout que possibilita fácil acesso e manuseio, para utilizá-la é preciso ter em mente o valor a ser investido e o período (tempo desejado). Para ficar mais simples, vamos te dar um exemplo.

Se foi investido R$ 100 entre os dias 01/01/2019 até 01/01/2020, no fim do período, o valor que você terá na sua poupança é de R$ 104,26.

Imperdível
Sua chance de ter um cartão de crédito sem anuidade78.477 pessoas já pediram
Ver cartão
Encerra em 16:20

Ao acessar a calculadora, é preciso selecionar se o investimento foi feito após a nova regra que ocorreu em maio de 2012, ou antes. A simulação acontece a partir deste regulamento, respeitando as mudanças realizadas pelo Governo após a data.

Como calcular o rendimento da poupança?

Para entender como a calculadora funciona, é preciso saber que o rendimento da poupança é calculado com base em duas taxas: Selic (taxa básica de juros) e Taxa Referencial (TR).

Após maio de 2012, o cálculo mudou e passou a seguir uma nova regra.  Foi declarado que nos momentos em que a Taxa Selic estiver abaixo de 8,5% ao ano, como atualmente, o rendimento é de 0,5% ao mês somado a Taxa Referencial (TR). No entanto, foi proposto que neste ano o rendimento seria de somente 0,25% ao mês.

Qual o rendimento mensal da poupança atualmente?

A Taxa Selic está cotada em 4,25% ao ano, após ser definida na última reunião do Comitê de Política Monetário do Banco Central (COPOM). No entanto, o rendimento da poupança atualmente, é de apenas 0,25% ao mês e não de 0,5%, ou seja, anualmente o valor chega a 2,45%.

Quanto rende 1000 reais na poupança por um ano?

Se você aportou 1000 reais na poupança hoje, deve levar em conta o cálculo de 70% da Taxa Selic somado a Taxa Referencial. Nesta data, a Selic está em 4,25% e a Taxa Referencial em 0%. 

Fazendo o cálculo de 70% da Taxa Selic chegamos ao resultado de 2,9%, ao dividir este valor por 12 você vai descobrir o rendimento mensal, que chega aproximadamente a 0,25%. Ou seja, se você não movimentar seu dinheiro durante o período, o seu rendimento será de apenas 29 reais.

Existe uma melhor data para depositar dinheiro na poupança?

A rentabilidade da poupança é creditada mensalmente, sempre na "data de aniversário" da aplicação. Desta forma, ao investir no dia 15 do mês, o rendimento mensal será creditado somente no dia 15 do próximo mês.

A regra é diferente ao fazer os depósitos nos dias 29, 30 e 31, pois os aniversários dessas datas ocorrem apenas no dia um. Por isso, é preciso ficar atento ao momento que for aplicar e também resgatar, pois caso saia antes da "data de aniversário" da aplicação, os ganhos certamente serão comprometidos.

Ainda vale a pena investir na poupança?

Mesmo que a poupança ainda seja queridinha por ser investimento de curtíssimo prazo e conter um baixo risco, o atual cenário mostra que o período não está muito favorável para essa modalidade.

Poupança cobra imposto de renda?

O lado positivo da poupança é que ela é uma das aplicações financeiras que contam com a isenção fiscal. Mas fique atento, por regra, rendimentos isentos e não tributáveis também devem constar na declaração anual de Imposto de Renda.

Qual o impacto da inflação no rendimento da poupança?

Os dados do IBGE mostram que a inflação acumula alta de 6,76% nos últimos 12 meses. Com a inflação sendo um dos maiores impactos na poupança, é importante entender qual o retorno real da caderneta.

No entanto, a poupança está com um nível de retorno inferior ao IPCA, o que significa que o rendimento não consegue preservar o poder de compra do dinheiro.

Por isso, existe a necessidade em buscar investimentos que realmente trazem rendimentos e também apresentam um baixo risco, como os ativos de Renda Fixa.

Sugestões de investimentos melhores que a poupança

Investimentos como Tesouro Selic, CDB, LCI, LCA e Letras de Câmbio são modalidades que podem atender às suas necessidades financeiras e, ainda manter um perfil conservador com um retorno mais alto do que a conta poupança.

Leia também:

Descomplicamos?

Esperamos ter ajudado com essas informações. Se gostou, não esqueça de curtir. Caso tenha alguma dúvida ou sugestão, faça um comentário. Até breve!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Sabrina Vansella

Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, se identifica com conteúdos noticiosos e sobre dicas financeiras. Procura simplificar e melhorar a qualidade de vida dos usuários e, para isso, preza por uma pesquisa assídua e uma escrita clara.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

5 livros sobre investimentos que você precisa conhecer

Rentabilidade fora da bolsa: 5 investimentos alternativos mais promissores de 2021

Plataforma íon promete revolucionar a experiência de investir

Open banking: o que muda para o investidor?

Qual a diferença entre a conta rendeira e o CDB PagBank?

Previdência privada: PGBL ou VGBL? Entenda qual o plano ideal para você

Baixa renda e preconceito: entenda porque o brasileiro prefere investir na poupança

Ativos reais: o que são e quais os riscos?