Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta

Como saber se vou receber o Auxílio Emergencial em 2021?

Por Camila SilveiraPublicado em

As pessoas que receberam o Auxílio Emergencial em 2020 devem estar se perguntando se também irão contar com o benefício neste ano.

A boa notícia é que a partir do dia 1º de abril, cada beneficiário poderá verificar a elegibilidade ao auxílio no Portal de Consultas da DataPrev. Confira como realizar essa consulta e esclareça suas dúvidas.

Como saber se vou receber o Auxílio Emergencial em 2021?

A partir do dia 1 de abril de 2021, será possível entrar no Portal da Dataprev e, assim, saber se você receberá o benefício neste ano. O processo de consulta é bastante simples, basta informar alguns dados, como:

Imperdível
Sua chance de ter um cartão de crédito sem anuidade78.477 pessoas já pediram
Ver cartão
Encerra em 16:20
  • Nome completo;
  • CPF;
  • Nome da mãe (caso não tenha basta marcar a opção "Mãe desconhecida");
  • Data de nascimento.

Observação importante: esse portal da Dataprev serve apenas para realizar consultas. De acordo com as novas regras do Auxílio Emergencial 2021, não será permitido o cadastro para novos beneficiários.

De acordo com o Ministério da Cidadania "O auxílio emergencial 2021 será concedido ao trabalhador que estava recebendo, em dezembro de 2020 e que cumpra as regras publicadas na Medida Provisória 1039".

Regras do Auxílio Emergencial 2021

  • 45,6 milhões de família/pessoas do Cadastro Único e do programa Bolsa Família;
  • A renda por pessoa da família não pode passar de até meio salário mínimo (R$ 550);
  • A renda total do grupo familiar deve ser de até três salários mínimos (R$ 3.300);
  • Só será permitida o pagamento de uma cota por família;
  • Ter mais de 18 anos;
  • Não ter emprego formal;
  • Não ter tido rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,70 em 2019 ou rendimentos isentos acima de R$ 40 mil naquele ano;
  • Não ser dono de bens de valor superior a R$ 300 mil fim de 2019;
  • Estão excluídos os residentes médicos, multiprofissionais, beneficiários de bolsas de estudo, estagiários e similares;
  • Ficam de fora também as pessoas que receberam qualquer tipo de benefício previdenciário, assistencial ou trabalhista ou de transferência de renda do governo em 2020, com exceção do Bolsa Família e abono salarial.

Qual será o valor das parcelas do Auxílio Emergencial 2021?

  • Parcelas de R$ 150: para famílias compostas por um único membro;
  • Parcelas de R$ 250: para famílias compostas por dois ou mais membros;
  • Parcelas de R$ 375: para famílias em que mulheres são as únicas provedoras do lar;

Posso me cadastrar para receber o Auxílio Emergencial?

Não. A nova rodada do benefício não permitirá a inscrição de novos beneficiários, portanto, só deverá ser paga para quem já estava cadastrado no programa em 2020 e aos beneficiários do Programa Bolsa Família.

Descomplicamos?

Esperamos ter ajudado você com esse conteúdo. Em caso de dúvidas ou sugestões, deixe o seu comentário para nós e até a próxima!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Camila Silveira

Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, adora descomplicar os cartões de crédito, empréstimos, financiamentos, seguros, contas digitais, entre outros. Boa parte do seu trabalho é acompanhar a movimentação dos bancos e instituições financeiras para trazer as principais notícias do mercado.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

Tribunal de Justiça de São Paulo abre concurso para 845 vagas de nível médio

Lojas Renner terá conta digital para fidelizar clientes

Oportunidade de emprego: confira mais de 3 mil vagas abertas

Banco Inter disponibiliza cashback para MEI e PJ no cartão de crédito

PicPay compra 100% do Guiabolso com foco no open banking

Procon-SP: bancos deverão provar segurança dos aplicativos

Netflix altera preço da assinatura: confira os novos valores

Junção de Open Banking com Pix: tudo o que você precisa saber