Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta

Contratações de profissionais nas casas dos 40 e 50 anos crescem em 2021

Por Nara LimaPublicado em

A Gupy, plataforma de tecnologia para recursos humanos, realizou um levantamento que indicou o aumento de 217,48% nas contratações de profissionais com idades entre 40 e 50 anos. Foram analisados dados do primeiro semestre deste ano em comparação ao mesmo período de 2020.

A plataforma anunciou cerca de 60 mil vagas por mês no primeiro semestre de 2021, e dentro desse número, 10% dos contratados pelas empresas possuíam entre 40 e 50 anos.

Setores que mais geraram empregos entre profissionais de 40 e 50 anos

  • Serviços: 16,68%;
  • Varejo: 16,10%;
  • Saúde: 15,06%;
  • Telecomunicações: 8,87%;
  • Atacado: 6,77%;
  • Tecnologia da informação: 4,74%.

Um fato curioso é que em alguns setores, como o da educação, o crescimento das contratações de profissionais com 40 anos e 50 anos passou de 600% em comparação ao ano passado.

Imperdível
Sua chance de ter um cartão de crédito sem anuidade78.477 pessoas já pediram
Ver cartão
Encerra em 16:20

Setores com maior crescimento nas contratações de profissionais entre 40 e 50 anos

  • Educação: 658,62%;
  • Saúde: 479,90%;
  • Siderúrgica: 448,48%;
  • Indústria em geral: 351,08%;
  • Logística: 350,50%;
  • Serviços: 238,37%;
  • Telecomunicações: 226,23%;
  • Tecnologia da Informação: 176,95%;
  • Varejo: 166,49%;
  • Bens de consumo: 81,54%.

Áreas que geraram mais contratações de profissionais no primeiro semestre

  • Operações: 30,14%;
  • Serviço ao Cliente: 17,74%;
  • Tecnologia: 12,17%;
  • Comercial: 11,32%;
  • Finanças e Administração: 9,48%.

Os dados divulgados pela Gupy ainda indicam crescimentos significativos em algumas áreas nas contratações dos profissionais dessa faixa etária em comparação ao ano passado, passando de 1.000% no caso de contabilidade.

  • Contabilidade ou controladoria: 1.261,54%;
  • Jurídico: 690%;
  • Marketing e comunicação: 600%;
  • Recursos Humanos: 478,26%;
  • Operações: 477,16%;
  • Serviço ao Cliente: 168,39%;
  • Tecnologia: 53,02%;
  • Comercial: 293,23%;
  • Finanças e Administração: 150,48%;
  • Logística: 195,18%.

Esses números podem surpreender, já que é comum relacionar a área de tecnologia com profissionais mais jovens. De acordo com Mariana Dias, CEO e cofundadora da Gupy, esse setor, em específico, é extremamente estratégico já que, muitas vezes, as empresas necessitam de líderes seniores.

Cargos em alta entre os 40 e 50 anos

Quando falamos apenas em contratações de pessoas entre 40 e 50 anos, os cargos com maiores contratações de profissionais dessa faixa etária no primeiro semestre foram:

  • Operador: 36,90%;
  • Auxiliar: 17,32%;
  • Técnico: 13,02%;
  • Analista: 11,7%;
  • Especialista: 5,66%;
  • Supervisor: 5,21%;
  • Consultor: 3,48%;
  • Gerente: 3,43%;
  • Coordenador: 1,84%;
  • Desenvolvedor: 0,63%;
  • Diretor: 0,28%;
  • Estagiário: 0,26%;
  • Trainee: 0,25%.

Esses últimos dados mostram que os cargos com maior volume de contratações nessa faixa etária são de liderança, como gerência e coordenação, que tiveram um volume menor de vagas em comparação com os cargos de operação.

Informamos?

Essas e diversas outras notícias a respeito do mundo das finanças você encontra no blog da Foregon. Em caso de dúvidas ou sugestões, deixe seu comentário aqui embaixo.

Até mais!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Nara Lima

Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, gosta de escrever sobre educação financeira. Preza pela facilidade da leitura e pela checagem das informações, buscando produzir um conteúdo de leitura simplificada e que sane as dúvidas do leitor.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

Uber cobrará mais caro para quem quer ser atendido com prioridade; entenda

INSS garante direitos para motoristas de aplicativo

Méliuz: novo cartão deve ser lançado em janeiro 2022

Vivo oferece vagas de emprego presencial e home office; confira

Banco BV oferece novas funcionalidades através do teclado do celular: entenda

Nubank permitirá compra e venda de ações direto no aplicativo: saiba mais

PIS/Pasep 2022: veja quais são os valores previstos

Vale-gás: o valor pode cair somente R$ 1,36 para beneficiados