Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta

Controle financeiro: confira 6 estratégias para e-commerce

Por Nara LimaPublicado em

Sabe qual é o primeiro passo para ter sucesso com seu e-commerce? A resposta é simples: controle financeiro. Esse é um dos pontos mais importantes dentro de qualquer tipo de negócio para mandar as contas sempre no azul.

Entender a quantas anda a saúde financeira da sua loja virtual é importante para tomar decisões mais inteligentes sobre onde investir seus recursos e, inclusive, quais estratégias devem ou não serem tomadas.

Falando sobre as estratégias, para o post de hoje, separamos seis dicas para você aplicar no seu e-commerce e melhorar sua gestão financeira. Vamos lá? Aproveite a leitura!

Imperdível
Sua chance de ter um cartão de crédito sem anuidade78.477 pessoas já pediram
Ver cartão
Encerra em 16:20

Estratégias de controle financeiro para e-commerce

Avalie o custo-benefício

Se você está pensando em dar início ao seu e-commerce ou quer melhorar seu controle financeiro, é primordial avaliar o custo-benefício das plataformas de vendas online. Sabe por quê? Existem diversos sites disponíveis para vendas online, mas não são todos que vão de encontro às suas necessidades, o que pode acabar prejudicando o controle das finanças.

A avaliação de custo-benefício precisa estar envolvida em um planejamento maior. Analise quais são as suas necessidades de negócio e faça uma pesquisa de mercado aprofundada. Dessa forma, é possível ser mais assertivo na escolha da melhor plataforma para o seu negócio.

Se você já fez essa implementação, que tal avaliar se elas estão trazendo os resultados esperados? Essa verificação, além de ajudar a cortar gastos desnecessários, auxilia na gestão do seu negócio.

Atente-se ao frete

Sabe qual é uma das diferenças entre lojas físicas e virtuais? O frete! Apesar de terem alguns gastos semelhantes, quando falamos em e-commerce, é preciso pensar em detalhes, como o frete. Qual o melhor frete para você e para o seu cliente?

Do ponto de vista do consumidor, quanto menos ele tiver que pagar para receber, melhor, não é mesmo? No entanto, nem sempre é possível oferecer preços competitivos. Por isso, a dica é negociar com fornecedores ou buscar parceiros para reduzir custos e oferecer um produto com custo mais baixo ou até mesmo de graça.

Invista em divulgação

Investir em divulgação é outro ponto necessário quando esse é o assunto. Ao realizar seu planejamento financeiro, é importante lembrar de investir em divulgação, ou seja, reservar uma quantia do seu caixa para ser utilizada em estratégias de tráfego pago.

Dessa forma, mais pessoas conhecem e são direcionadas para a sua loja online, aumentando o número de visitantes e, consequentemente, o de vendas.

A dica é conhecer seu público e investir em anúncios criativos, que despertem o interesse das pessoas e façam com que elas visitem seu e-commerce. Vale lembrar que segmentar a audiência para os seus anúncios também facilita na captação de novos visitantes.

Entenda e calcule o ROI

Do inglês Return on Investment, ROI significa Retorno sobre Investimento. Essa métrica é muito importante para você ter conhecimento sobre qual o retorno que seus investimentos trazem para o seu negócios.

A seguir, você irá entender como o ROI pode ser calculado. Confira:

Para calcular o ROI é preciso saber quais ganhos financeiros você teve com o investimento considerado e subtrair o valor do investimento total feito, dividindo o resultado por esse número inicial.

Vamos dar um exemplo: foi feito um investimento de R$ 500 em anúncios e, a partir deles foi possível vender R$ 3 mil, nesse caso o ROI seria feito desta forma:

(Ganho – Investimento)/Investimento = ROI

(3000 – 500)/500 = 5

O número 5 indica que o retorno foi 5 vezes maior que o seu investimento, ou seja, um retorno de 500%, analisando como porcentagem. Não é tão complicado, concorda?

Se o retorno for negativo é necessário reverter essa situação para que o retorno aumente ou o investimento diminua.

Controle o estoque

Já pensou se você disponibiliza um produto em seu site, o cliente compra o mesmo, paga e só depois você percebe que a mercadoria está em falta? Essa é uma situação complicada e que, provavelmente, pode causar estresse para você e seu cliente. Por isso, é preciso estar sempre atento e ter controle sobre ele.

Além de evitar este tipo de imprevisto, fazer o controle de estoque também evita as compras de urgência, que podem encarecer os produtos e diminuir a sua competitividade no mercado. Abastecendo seu estoque com antecedência, você tem mais tempo para procurar os melhores preços do mercado e negociar com fornecedores.

Controle o fluxo de caixa

O fluxo de caixa é um dos elementos mais importantes da gestão financeira de um negócio, seja ele virtual ou não. Para ter esse controle é preciso monitorar diariamente toda entrada e saída que seu e-commerce tiver.

O ideal para qualquer comércio é terminar o mês no azul, e esse controle diário ajuda a identificar problemas no fluxo de caixa logo de início. Dessa forma, é possível resolvê-lo de forma mais prática.

Descomplicamos?

Esperamos que esse conteúdo seja útil para o seu e-commerce e ajude a aumentar as suas vendas online. Em caso de dúvidas ou sugestões, deixe seu comentário aqui embaixo.

Nos vemos em breve!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Nara Lima

Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, gosta de escrever sobre educação financeira. Preza pela facilidade da leitura e pela checagem das informações, buscando produzir um conteúdo de leitura simplificada e que sane as dúvidas do leitor.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

Conheça o Anthor, aplicativo que conecta empresas a prestadores

WhatsApp Pay: confira 8 vantagens desse tipo de pagamento

Mercado Pago: guia completo

Tipos de carro: principais características e diferenças

5 livros que mudarão sua vida financeira

3 conselhos básicos para alcançar a liberdade financeira

Inteligência artificial em soluções antifraude

Onde usar a carteira digital Apple Pay?