Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta

Desemprego cresce para 14,7% e atinge número recorde brasileiros

Por Nara LimaPublicado em

De acordo com informações divulgadas pela Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, a taxa de desemprego no Brasil ficou em 14,7% no primeiro trimestre e atingiu cerca de 14,8 milhões de brasileiros.

Em decorrência de uma série de fatores, que incluem o Governo Federal e a piora da pandemia do Covid-19 no país, essa foi a maior taxa apresentada pela pesquisa, que teve início em 2012.

Desemprego em épocas difíceis

Os dados, que foram divulgados após a realização da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD), indicaram que duas regiões foram as mais afetadas com o desemprego: Norte, que passou de 12,4%, no último trimestre de 2020, para 14,8%, no primeiro trimestre de 2021, e Nordeste, no qual apresentou mudança de 17,2% para 18,6%.

Ambas regiões apresentaram as maiores taxas de afastamentos desde 2012. Nas demais localidades brasileiras, o cenário é de estabilidade em relação ao quarto trimestre do ano passado. 

Dados que mostram a realidade do Brasil

A instituição também informou que a taxa de desemprego entre os brancos é de 11,9%, menor que a apresentada entre pretos e pardos, com respectivos 18,6% e 16,9%. Além disso, no primeiro trimestre deste ano, 12,2% dos homens estavam desempregados, enquanto o número entre as mulheres foi de 17,9%. 

Homem desconfiado com a mão no queixo

Com o seu score calculado, você descobre o produto financeiro ideal para você!

Calcule o seu score de forma gratuita, rápida e segura e tenha acesso a centenas de cartões de crédito e outros produtos financeiros.
+ 1.267.543 milhões de pessoas já consultaram

Ao criar uma conta você aceita nossos termos de uso política de privacidade. Aceita também receber notificações por e-mail e SMS, que podem ser canceladas quando quiser.

Já entre os jovens de 18 a 24 anos, a taxa de desemprego, de 31%, foi bem mais alta do que a média nacional, registrada em 14,7%.

Busca por emprego

Apesar dos números significativos, a analista da pesquisa do IBGE, Adriana Beringuy, informou em nota que as regiões Norte e Nordeste apresentaram aumento significativo da procura por trabalho no primeiro trimestre de 2021, aumentando o índice de desocupação nessas duas áreas.

Ainda em nota, foi informado que o aumento no número de desempregados no Norte chegou a 187 mil pessoas a mais quando comparado ao último trimestre de 2020. No Nordeste, houve acréscimo de 370 mil pessoas, totalizando 4,4 milhões de pessoas à procura de emprego.

Descomplicamos?

Esperamos que esse conteúdo seja útil para a sua vida. Se você também está em busca de um emprego, confira alguns artigos publicados pelo nosso blog:

E você já sabe, em caso de dúvidas ou sugestões, deixe seu comentário aqui embaixo, combinado? Nos vemos em breve!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Nara Lima

Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, gosta de escrever sobre educação financeira. Preza pela facilidade da leitura e pela checagem das informações, buscando produzir um conteúdo de leitura simplificada e que sane as dúvidas do leitor.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

Itaú e LOUD lançam cartão de crédito em parceria

Auxílio Brasil: confira novas regras do empréstimo consignado para beneficiários

Saque-aniversário do FGTS de outubro já está liberado

Inter oferece 12% de cashback nas compras feitas na Amazon

Banco do Brasil lança financiamento de iPhone em até 60X

Caixa reduz parcelas de financiamento durante licença maternidade

FGTS poderá ser utilizado para compra de casa popular em 2023

Foregon marca presença no StartupON compondo time de empreendedores da região Oeste do Estado de São Paulo