Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos

Dicas de economia nas compras de fim de ano

Por Banco PANPublicado em

Quando chega o fim de ano, não tem jeito: você gasta mais. Em 2019, por exemplo, o valor estimado pelos brasileiros era de R$ 564,95 por pessoa com as festas de fim de ano, incluindo despesas com viagens e alimentação.

Os dados são da Boa Viagem Serviços. Com presentes, foram mais R$ 124,99 de acordo com a Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e o Serviço de Proteção ao Crédito (SPC).

Isso dá quase R$ 700,00 por pessoa que vão embora no mês de dezembro. Por isso, anote algumas dicas para não deixar o seu orçamento estourar neste ano.

Imperdível
Sua chance de ter um cartão de crédito sem anuidade78.477 pessoas já pediram
Ver cartão
Encerra em 16:20

#1 Defina o seu orçamento

Antes de ir às compras, estabeleça um limite de gastos de fim de ano. Faça uma lista de itens. Nela, você pode incluir:

  • Presentes de Natal;
  • Itens da ceia de Natal, caso a sua religião celebre essa festividade;
  • Viagens de Réveillon;
  • Amigo secreto, também conhecido como amigo oculto em algumas regiões do país.

Em seguida, avalie o quanto você pode investir nos itens acima com base na sua renda de final de ano — ou seja: o salário e o 13º, entre outras quantias que você pode receber nesse período, como bônus da empresa. Lembre-se de considerar quanto você vai gastar no mês e também nos primeiros meses do ano seguinte, como o pagamento de impostos como o IPTU e o IPVA.

Isso tudo vai fazer uma grande diferença para você fazer todas as compras e iniciar o ano sem que novas dívidas batam à sua porta.

#2 Evite compras de última hora

No ano passado, segundo a CNDL e o SPC, cerca de 13,2 milhões de pessoas deixaram para fazer compras de Natal em cima da hora. O resultado é aquilo que você provavelmente já sabe: lojas e shopping centers cheios, o que é um risco adicional neste ano de pandemia. Sem contar que você pode se deparar com a falta de produtos que faziam parte da sua lista de compras — o que pode ser um problema também nas lojas online.

Para evitar esses problemas e ainda fazer economia, seja em lojas físicas ou virtuais, uma boa dica é a antecipação. As lojas fazem promoções nas semanas anteriores ao Natal — inclusive, algumas boas ofertas podem ser encontradas durante a Black Friday.

#3 Fique de olho nos preços desde já

Digamos que você já tenha um orçamento e a lista de compras está nas suas mãos. Então, comece a pesquisar os preços já.

Inclusive, para quem tem o hábito de fazer compras online ou quer começar a encontrar as melhores ofertas para as suas compras de fim de ano, fica a dica: os sites de pesquisa de preço online funcionam bem.

Neles, você digita o nome dos produtos desejados no campo de busca e encontra as opções mais baratas de grandes nomes varejistas e outras lojas virtuais. Assim, você consegue comparar as ofertas mais vantajosas e inclusive analisar o histórico de variação de preços. Esses são alguns dos sites mais populares:

Existem outros, também, o que ajuda a pesquisar pelas melhores ofertas já no mês de novembro.

#4 Frete grátis

Embora as compras online ofereçam praticidade e conveniência, elas escondem um custo extra do qual só nos damos conta instantes antes de concluirmos a transação: o valor do frete.

Muitas vezes, o preço baixo de um produto mascara o alto valor da sua entrega. Com isso, a economia em suas compras de fim de ano vai por água abaixo. Até por isso, é bom ficar de olho não só no preço dos seus presentes, mas no valor do frete.

E é aí que algumas varejistas se diferenciam da concorrência ao oferecerem frete grátis. É uma economia mais que bem-vinda — especialmente, para quem faz muitas compras on-line.

#5 Procure por descontos

Outro diferencial das compras on-line: os descontos. Eles vêm, muitas vezes, na forma de um cupom digital (vale a pena acompanhar as redes sociais das varejistas) ou mesmo em cashback.

Caso você ainda não conheça a modalidade, o cashback costuma oferecer uma porcentagem de sua compra que vai servir de crédito para futuras compras. Ou seja: você mantém um saldo que pode servir de desconto para a próxima vez que fizer compras naquela mesma loja ou em outras conveniadas à empresa que gerencia o cashback.

Vale a pena ficar de olho em marcas desse tipo, como o Mooba e o Méliuz, entre outros, que estão sempre divulgando boas condições e ofertas promovidas pelos principais e-commerces do país.

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Banco PAN

O Banco PAN atua com foco em pessoas físicas, ofertando crédito consignado (empréstimo e cartão de crédito), financiamento de veículos usados e motos novas, além de conta corrente digital completa, cartões de crédito e venda de seguros

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

Algar Telecom: conheça os diferentes planos de celular

Placa Mercosul: como é o emplacamento em outros países e quais as diferenças

Hotmart Pocket: dúvidas frequentes

Como colocar a nova placa Mercosul?

Placas Mercosul: conheça seu histórico e os preços em cada estado

Placa Mercosul: dúvidas frequentes

Saiba o que mudou no projeto das placas do Mercosul e tire suas dúvidas

Banco digital ou banco tradicional: qual o melhor?