Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta

Dividendos: o que é e como funciona o investimento em renda passiva?

Por Guia do InvestidorPublicado em

Você já ouviu falar em dividendos? Esta é uma ferramenta bastante comum no dia a dia do mercado financeiro e assunto obrigatório para aqueles que sonham em viver de renda: os famosos rentistas. Mas você realmente tem este assunto na ponta da língua?

Hoje vamos conversar um pouco mais sobre os dividendos, como eles funcionam, as razões que as empresas possuem em manter uma política de dividendos e, claro, as razões e motivos para você entrar de vez para a lista de investidores que amam os dividendos.

O que é dividendo?

Você já recebeu participação nos lucros da empresa onde você trabalha? Uma empresa, seja ela qual for, se estiver financeiramente estável irá acumular lucros. É claro que parte da receita da empresa é destinada para seu fluxo de caixa, afinal, uma empresa precisa de capital para sobreviver. Mas e o excedente? 

Em geral, as companhias de capital aberto (as listadas em bolsa) possuem uma obrigação: dividir seus lucros com seus sócios.

Como sócio de uma empresa, você tem direito, (e gosta bastante) de receber uma porcentagem justa sobre o lucro da empresa que você tem ligação. No mercado de capitais, chamamos essa distribuição de lucro de dividendo.

Homem desconfiado com a mão no queixo
Com o seu score calculado, você descobre o produto financeiro ideal para você!
Calcule o seu score de forma gratuita, rápida e segura e tenha acesso a centenas de cartões de crédito e outros produtos financeiros.
+ 1.267.543 milhões de pessoas já consultaram

Ao criar uma conta você aceita nossos termos de uso política de privacidade. Aceita também receber notificações por e-mail e SMS, que podem ser canceladas quando quiser.

O investidor é amparado por lei para receber estes dividendos, pelo artigo 202 da Lei 6.404/76, também chamada de Lei das Sociedades por Ações. No entanto, o fluxo de pagamento e a porcentagem deste pagamento varia de empresa para empresa.

Por quê as empresas pagam dividendos?

Além de serem obrigadas por lei a distribuir uma porcentagem mínima de seus lucros a seus acionistas, as empresas que distribuem proventos possuem outro forte motivo para distribuir dividendos. 

As empresas que distribuem dividendos estão sempre no radar dos investidores. Afinal, uma forte política de dividendos em muitos casos, é um diferencial que parte na frente de até mesmo alguns indicadores fundamentalistas. 

Além disso, pode ser um ponto-chave para um investidor optar por determinada ação, em detrimento de uma concorrente ou de uma companhia de desempenho similar.

Aumentando o monte: os dividendos e a renda passiva

Os dividendos possuem um forte apelo entre investidores, não só pela renda extra oferecida, mas também pela possibilidade de engordar o monte. 

Dividendos são proporcionais à porcentagem de ação que você possui da companhia. Em muitos casos, se você tiver as ações suficientes em seu portfólio, quando o pagamento cai na conta, o rendimento será o suficiente para você adquirir mais uma ação da empresa que pagou este provento.

Ou seja, você acabou de ganhar mais uma ação da empresa, sem efetivamente tirar recursos do seu bolso para isso. Com mais ações no seu portfólio, a quantia de dividendos que você irá receber será cada vez maior e sua bolada irá aumentar, assim consecutivamente, infinitamente.

O conceito de juros compostos em sua mais pura essência: replique este processo por alguns anos e você estará pronto para viver apenas da rentabilidade de suas ações e de seus dividendos.

Outro ponto que chama a atenção do mercado em relação aos dividendos é a liquidez de imposto. Lembra quando falamos que o dividendo é a parcela paga para um acionista de um lucro da empresa?

Neste tipo de caso, a distribuição de dividendos incide sobre o lucro líquido da empresa. Ou seja, as obrigações legais, como amortizações e impostos já foram abatidos sobre o montante ainda no processo gerencial da companhia, o que resulta em uma receita líquida para seus acionistas, não incidindo uma dupla tributação em cima de "um mesmo" dinheiro. 

Por fim, se você quer descobrir as empresas que estão sempre distribuindo dividendos e que irão pagar em breve novas quantias a seus acionistas, não deixe de acessar a agenda de dividendos do Guia do Investidor! 

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Guia do Investidor

Nós acreditamos na simplicidade e na transparência das relações, por isso descomplicamos os bancos

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

Bitcoin: Descubra aqui quais são suas vantagens e suas limitações

Inflação: imprimir dinheiro é prejudicial para a economia?

Não é preciso muito dinheiro para investir em cripto

Qual é o futuro da mineração de criptomoedas?

Você soube do hard fork da Ethereum?

Dividendos: o que é e como funciona o investimento em renda passiva?

Quem pode ganhar adicional de 25% na aposentadoria?

Corretoras de Criptomoeda: Como evitar ciladas? Veja algumas dicas