Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta

É melhor financiar ou alugar?

Por Sabrina VansellaPublicado em

Muitas pessoas possuem o sonho de ter uma casa própria, principalmente aqueles que ao pagarem o aluguel, consideram que aquele dinheiro poderia ser usado para financiar o seu próprio lar. Pensando nisso, vamos te ajudar a entender o que vale mais a pena: alugar ou financiar.

Realmente, conseguir ter a própria casa não é um objetivo tão simples de ser alcançado, ainda mais em um país que carrega tantas dificuldades.

Entre os obstáculos para conseguir realizar seu sonho, o que geralmente impede são o descontrole financeiro, não conseguir guardar dinheiro e a falta de educação financeira diante a melhor maneira de comprar ou financiar a casa própria.

Pagar aluguel ou fazer um financiamento?

Antes de tudo, é preciso entender que pagar aluguel não é um desperdício, pois deve ser levado em consideração a liberdade de mobilidade. Por exemplo, se você é uma pessoa que é transferida de municípios frequentemente por conta do trabalho, essa se torna uma boa opção, já que a casa própria, na maioria das vezes, restringe essa movimentação.

Sempre se questione: será que essa ação que você pensa em tomar vai te aproximar dos seus sonhos ou afastar?

Homem desconfiado com a mão no queixo

Com o seu score calculado, você descobre o produto financeiro ideal para você!

Calcule o seu score de forma gratuita, rápida e segura e tenha acesso a centenas de cartões de crédito e outros produtos financeiros.
+ 1.267.543 milhões de pessoas já consultaram

Ao criar uma conta você aceita nossos termos de uso política de privacidade. Aceita também receber notificações por e-mail e SMS, que podem ser canceladas quando quiser.

Afinal, seu sonho não pode entrar em conflito com a conquista da casa própria, principalmente, caso o seu objetivo seja viajar, mudar de cidade ou país e crescer profissionalmente.

Ao analisar por outro lado, o aluguel pode ser uma ótima solução enquanto o plano da casa própria ainda não está bem construído.

Vamos entender um pouco mais sobre tudo isso?

Os números não mentem

Considerando que o Custo Efetivo Total seja de 7% ao ano, e que será financiado em 20 anos a compra de um imóvel de R$ 200 mil. Para este exemplo, vamos considerar que:

  • Você tenha R$ 50 mil para dar de entrada e outros R$ 10 mil para os custos da transação.

Ou seja, você tem R$ 60 mil para ser aplicados em algum investimento caso decida morar de aluguel enquanto junta mais dinheiro. O que será que vale mais a pena?

Leve em consideração:

  • A parcela mais cara (tabela SAC) seria de aproximadamente R$ 1.473,12;
  • Um aluguel de uma casa neste preço sairia, em média, R$ 800 mensais.

Por fim, ao subtrair a parcela com o que você gastaria com o suposto aluguel da casa, ainda seria necessário R$ 673,12 por mês ao optar pela compra.

O total do financiamento seria de R$ 353.548,8, ou seja, mais que o dobro do valor que foi financiado junto a sua entrada.

Por que muitas vezes compensa alugar ao invés de financiar?

Realmente, a pressão que o banco impõe pode fazer com que muitas pessoas apenas consigam ter a casa própria com um financiamento, mas ao ter inteligência financeira é possível ir por outro caminho sem pagar juros tão altos a instituição financeira.

Aplicar o dinheiro que você gastaria ao dar de entrada para financiar pode ser uma ótima alternativa, principalmente com investimentos que ficam acima da inflação.

Para aderir a esta opção, é preciso estar disposto a aprender mais sobre investimentos para assim usar a seu favor.

Quer entender mais sobre investimentos? Confira:

Descomplicamos?

Esperamos ter ajudado com essas informações, se sim, não esqueça de curtir. Se tiver alguma dúvida, faça um comentário. Até breve!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Sabrina Vansella

Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, se identifica com conteúdos noticiosos e sobre dicas financeiras. Procura simplificar e melhorar a qualidade de vida dos usuários e, para isso, preza por uma pesquisa assídua e uma escrita clara.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

Corretoras de Criptomoeda: Como evitar ciladas? Veja algumas dicas

Descubra como se proteger de cobranças indevidas nas suas contas de telefone

O que é pró-rata e como calculá-lo?

5 dicas para viver com um salário mínimo

5 dicas de como ganhar dinheiro sendo estudante

Cheque: entenda o que é e conheça suas variações

Lei do Superendividamento: saiba como renegociar suas dívidas sem extrapolar seu orçamento

Como se organizar para comprar sua casa própria em 2022