Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta

É possível vender veículo financiado?

Por Thais SouzaPublicado em

Se você adquiriu um automóvel através de financiamento com os bancos e se arrependeu da compra, quer trocar de modelo ou desejar quitar ou diminuir sua dívida, saiba que uma das alternativas é vender o seu veículo financiado

Contudo, antes de tomar qualquer atitude é necessário estar atento a alguns cuidados e detalhes, como colocar em ordem a documentação e eventuais pendências do carro. Continue a leitura para saber mais. 

Como vender um veículo financiado

Caso tenha dúvida sobre ser possível ou não vender carro financiado, a resposta é: sim. E isso pode ser feito mesmo que ainda esteja pagando o financiamento. Na prática existem duas formas de se vender um veículo financiado: à vista ou transferindo o financiamento para outra pessoa. Entenda melhor abaixo:

Imperdível
Sua chance de ter um cartão de crédito sem anuidade78.477 pessoas já pediram
Ver cartão
Encerra em 16:20

Venda de carro financiado à vista

Essa é a opção mais fácil e viável para vender um carro financiado. Caso você encontre encontre um comprador que tenha o valor à vista, basta quitar a dívida pendente do veículo diretamente com o banco que realizou o financiamento.

Ao adiantar o pagamento das parcelas, o banco pode dar ótimos descontos para você, diminuindo o valor total da dívida. Assim que o pagamento for realizado, você poderá vender o veículo totalmente quitado para o comprador.

Venda de veículo por transferência

Nessa opção o comprador e o vendedor devem ir até o banco que fez o financiamento do veículo para uma nova análise de crédito, que será feita com os dados da pessoa que deseja comprar o bem. 

Assim, se a análise de crédito for aprovada, o banco responsável faz a transferência como se fosse um novo financiamento a pessoa interessada assume a dívida.

Os pontos negativos dessa opção é que o comprador deve ter um bom histórico financeiro e uma boa pontuação de score de crédito. Caso contrário, o banco pode negar a sua solicitação. Além disso, essa avaliação geralmente é cobrada pelos bancos, mesmo se for negada. 

Contrato de gaveta

Existe uma terceira opção de venda de veículos financiados, que além de não ser permitida pelo banco, é extremamente perigosa. Para se livrar de uma dívida indesejada, algumas pessoas optam pelo contrato de gaveta.

Um contrato de gaveta nada mais é do que um contrato informal em que você vende o bem financiado, o comprador paga as parcelas mensalmente para você e você repassa esse valor para o banco. Ou seja, para o banco, o financiamento continua no seu nome. 

E é aí que mora o perigo! Caso o comprador tome multas, cometa infrações ou mesmo não pague a parcela, quem receberá a penalização será você. Inclusive, dependendo da gravidade das infrações cometidas, como um acidente de trânsito com vítima, por exemplo, você pode acabar respondendo juridicamente por um ato que não cometeu.

Quais os procedimentos para vender carro em financiamento?

Reúna toda a documentação do veículo

Os documentos devem estar em dia para que nenhuma das partes tenha problemas no futuro. Se o veículo tiver alguma pendência, o vendedor deverá pagá-las ou dar desconto no valor do veículo de acordo com o valor da dívida; 

Saiba o valor exato em aberto

Saiba exatamente o valor que falta para quitar o veículo. Assim, comprador e vendedor poderão negociar um preço justo para ambos. 

Nesse caso, você deve saber o valor dos juros aplicados nas parcelas restantes do financiamento, como: imposto sobre operações de crédito, câmbio e seguro, IOF, dentre outras cobranças. 

Faça o processo de forma legal e segura

Evite partir para opções inseguras, como um contrato de gaveta, por exemplo. Nesses casos, tanto o vendedor como o comprador podem sair no prejuízo. 

Procure realizar o processo junto ao banco, de forma legal e contextualizada em contrato assinado por ambas as partes. 

Descomplicamos?

Vender um carro financiado não é tarefa simples. Por isso, todo cuidado é pouco! Você deve estar atendo a documentação e reunir o maior número de informações possíveis antes de assinar o contrato. 

Se ficou com alguma dúvida sobre como realizar a transferência de um carro financiado, entre em contato conosco. Até a próxima! 

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Thais Souza

Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, se identifica com conteúdos relacionados a investimentos e empréstimos e acredita que esse tipo de conhecimento pode mudar a vida das pessoas. Busca impactar a vida dos usuários que buscam resolver um problema ou conhecer melhor um produto ou serviço financeiro.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

Instagram como ferramenta de negócios: guia completo

Como recarregar Bilhete Único pelo celular?

PicPay: como fazer cobranças pelo aplicativo?

Caixa abre 10 mil vagas de emprego para concursados, estagiários e aprendizes

Open Banking ou Open Finance: o que você precisa saber sobre esses sistemas

Não consegue guardar dinheiro? Conheça a “poupança por assinatura”

Golpe da revisão do INSS: veja como se proteger

Quer mudar de carreira? Confira essas dicas para trocar de profissão