Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta

Empresas podem recontratar trabalhadores demitidos durante a pandemia

Por Janaína TavaresPublicado em

Na última terça-feira (14), o governo do presidente Jair Bolsonaro determinou a recontratação dos trabalhadores demitidos sem justa causa durante a pandemia do novo coronavírus.

Dessa forma, o decreto editado determina que não será considerada fraudulenta a recontratação no prazo de 90 dias. Saiba mais informações a respeito, logo a seguir.

O que muda com essa autorização?

De acordo com informações cedidas pelo Ministério da Economia, a mudança vai possibilitar uma recuperação mais acelerada dos cidadãos no mercado de trabalho.

Imperdível
Sua chance de ter um cartão de crédito sem anuidade78.477 pessoas já pediram
Ver cartão
Encerra em 16:20

O decreto, que foi assinado pelo secretário especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, Bruno Bianco, estabelece que a recontratação terá que ser feita nos mesmos termos do contrato anterior.

Contudo, essa decisão do governo também vai abrir espaço para que a nova contratação possa ser feita em condições diferentes da original. Segundo o texto do decreto, isso será possível "quando houver previsão nesse sentido em instrumento decorrente de negociação coletiva".

Vale destacar que a medida já está valendo e a mesma possui um efeito retroativo a 20 de março de 2020, ou seja, se você foi demitido há 30 dias, a empresa já pode te recontratar.

O salário será reduzido durante a pandemia?

Sim, existe essa possibilidade na hora da recontratação durante a pandemia. No entanto, isso só vai acontecer caso esteja previsto em negociação coletiva com o sindicato da categoria.

É importante ressaltar ainda que a portaria de 1991 não foi revogada. Ela continua valendo, mas a diferença é que agora o governo flexibilizou a medida apenas enquanto durar o período de calamidade pública, que tem data prevista para terminar em 31 de dezembro desse ano.

Você vai gostar de ler

Aproveite para ler mais conteúdos da Foregon que podem ser essenciais para sua jornada:

Descomplicamos?

Conte pra gente, o que você achou dessa possibilidade de recontratação na pandemia? Deixe sua opinião aqui nos comentários e até a próxima!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Janaína Tavares

Jornalista e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, a Janaína (ou Jana). Como redatora, ama os conteúdos sobre dicas financeiras. Preza pela checagem de todas as informações e o conteúdo perfeito para ela, é aquele que ajuda o leitor a resolver um problema, ensinando e orientando o leitor a tomar a melhor decisão.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

Liberado novo saque da 4ª parcela do Auxílio Emergencial: veja como sacar

SP Acolhe: saiba tudo sobre o auxílio de R$ 300 e veja como se inscrever

Governo de SP inicia pagamentos do ‘Vale Gás’ e ‘SP Acolhe’. Veja como sacar

Prorrogação do Auxílio Emergencial 2021: o que mudará?

Pagamento da 4ª parcela do Auxílio Emergencial é antecipado: veja as datas

Confirmado: governo anuncia prorrogação do Auxílio Emergencial até outubro de 2021

Terapia popular: opções gratuitas que promovem saúde mental e financeira

Governo de SP pagará auxílio de R$ 300 a parentes de vítimas do Covid-19