Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta

Febraban lança campanha de negociação de dívidas: saiba mais

Por Camila SilveiraPublicado em

A Federação Brasileira dos Bancos (Febraban) lançou, no dia 1 de novembro, o Mutirão Nacional de Negociação de Dívidas e Orientação Financeira, que vai acontecer até o dia 30 do mesmo mês. Com esta ação, todas as Pessoas Físicas que possuem dívidas em atraso poderão renegociar os débitos com os credores.

O Mutirão Nacional de Negociação de Dívidas e Orientação Financeira é uma ação em parceria com o Banco Central, a Secretaria Nacional do Consumidor do Ministério da Justiça (Senacon) e o Senado Federal.

Febraban: como participar da campanha de negociação de dívidas?

Quem tiver interesse em regularizar os débitos durante esse período deve fazer o registro no site consumidor.gov.br.

Essa plataforma foi desenvolvida pela Senacon e tem a adesão de mais de 160 instituições financeiras. Após realizar o registro, o devedor deve escolher a instituição com a qual pretende negociar, relatar o problema e fazer a solicitação.

Uma das novidades dessa edição é o desenvolvimento de um site específico para o devedor realizar a negociação de dívidas. Feito isso, a instituição financeira tem até dez dias para analisar o pedido e apresentar uma proposta.

Os interessados em negociar os débitos podem buscar informações no site mutirao.febraban.org.br antes de inserir a requisição na plataforma da Senacon. Segundo a empresa, entre as informações presentes estão a lista das dívidas, quando vale a pena participar do mutirão e a parcela do orçamento que pode ser destinada para o pagamento.

Além disso, na página da Febraban também tem um link para o Registrato. Esse é um sistema do Banco Central que divulga um extrato de informações de uma pessoa com instituições financeiras, incluindo a lista de dívidas em seu nome. Na mesma plataforma, é possível consultar o Índice de Saúde Financeira (ISF).

De acordo com a Febraban, um dos principais fatores dessa campanha é a educação financeira. O propósito é auxiliar os consumidores a se prepararem para a negociação de dívidas, evitando que cheguem a desvantagem e reduzindo o risco de reincidência dos devedores.

Todas as orientações serão feitas por meio de cursos de educação financeira. O acordo de cooperação técnica entre o Banco Central e a Febraban é voltado para o desenvolvimento de educação financeira. Tal ação, segundo a instituição, faz parte da Agenda BC#.

Quem pode participar?

Poderão participar da campanha de negociação de dívidas aqueles que possuem débitos sem bens dados em garantia, que estejam em atraso e em nome de uma pessoa natural e que tenham sido contraídos de bancos ou financeiras.

Descomplicamos?

Esperamos ter ajudado você com esse conteúdo. Em caso de dúvidas ou sugestões, deixe o seu comentário para nós. Até mais!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Camila Silveira

Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, adora descomplicar os cartões de crédito, empréstimos, financiamentos, seguros, contas digitais, entre outros. Boa parte do seu trabalho é acompanhar a movimentação dos bancos e instituições financeiras para trazer as principais notícias do mercado.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

Bancos digitais: setor financeiro se expande e empresas buscam profissionais qualificados

Mastercard vai permitir transações com criptomoedas em bancos da rede

Censo 2022: FGV abre concurso para 207 mil vagas temporárias

Número de fraudes contra clientes de bancos cresce para 165% em 2021

BTG+ business fecha parceria com Getnet e amplia oferta a PMEs

Black Friday 2021 Visa: compre com cartões da bandeira e concorra a prêmios

Mais da metade dos consumidores vão fazer suas compras online, durante a Black Friday

Auxílio Brasil: Caixa anuncia calendário de pagamento do benefício