Foregon.comConteúdos

Gestão de Talentos: 7 dicas de como aplicar um modelo eficiente

Por Thais SouzaPublicado em
Compartilhe

Com transformações acontecendo dia após dia no mundo corporativo, os processos de recrutamento e inserção de novos colaboradores também passam por mudanças e melhorias. Podemos citar a Gestão de Talentos, processo que vem ganhando popularidade por sua eficiência e melhora nos resultados. 

O que é Gestão de Talentos?

A cada dia que passa as empresas entendem melhor que, para inovar, é preciso investir na formação do desempenho das suas equipes de trabalho e formar grandes profissionais, dispostos a vestir a camisa da empresa.

A Gestão de Talentos é um método que busca exatamente isso. É o conjunto de práticas desenvolvidas pelos gestores com o intuito de contratar, treinar e inserir da melhor forma os profissionais mais aptos e talentosos para a empresa. 

Imperdível
Sua chance de ter um cartão de crédito sem anuidade78.477 pessoas já pediram
Ver cartão
Encerra em 16:20

Como aplicar uma Gestão de Talentos eficiente? 

1. Mapear os talentos 

O primeiro passo para otimizar o processo seletivo é mapear onde estão os talentos ideais dos quais a sua empresa precisa para preencher a vaga.

Uma das melhores formas de encontrar novos colaboradores é através do LinkedIn, rede social que permite o recrutador encontrar informações profissionais dos usuários. 

2. Otimize o recrutamento

Investir na experiência do candidato é uma prática que se mostra extremamente importante no processo de Gestão de Talentos. 

Entrevistas de emprego com perguntas prontas e formalidade em excesso só fazem com que o candidato fique nervoso e acabe não mostrando suas qualidades. 

O recrutador e toda a empresa devem deixar os candidatos familiarizados com o ambiente e principalmente informados sobre os valores da mesma, para então alinhar todas as expectativas do candidato com a vaga. 

3. Faça o processo de onboarding

O processo de onboarding está ficando cada vez mais popular nos processos seletivos. Ele tem o objetivo de adaptar e capacitar os profissionais recém contratados em uma empresa na cultura dela.

Esse processo visa diminuir o tempo de inserção do funcionário dentro do novo ambiente de trabalho. Ou seja, o famoso “quebrar o gelo”. A sensação de pertencimento faz com que o vínculo entre colaborador e empresa se fortaleça. 

Dentro do processo, é importante fornecer todas as ferramentas que o colaborador vai precisar para trabalhar. Providencie tudo com antecedência.

Checklist para receber o novo funcionário:

  • Cadeira;
  • Mesa; 
  • Computador (se necessário);
  • Configure o e-mail dele; 
  • Providencie guias para os softwares que ele eventualmente terá que usar.

Além de bens materiais, uma recepção calorosa inspira qualquer um, não é mesmo? Por isso, informe a todos os funcionários sobre a chegada do novo talento.

Prepare uma apresentação sobre a área que ele vai atuar e agende reuniões com líderes para que o colaborador fique por dentro de tudo que acontece na empresa.

Para garantir que o novo talento não fique perdido no primeiro dia, o acompanhamento de um supervisor pode ser uma grande vantagem. 

4. Desenvolva a transparência 

Seja transparente quanto aos seus valores e políticas profissionais, afinal, o colaborador vai fazer parte diariamente das atividades que envolvem a empresa e deve estar alinhado a esses padrões. 

5. Estimule a proximidade e trabalho em equipe 

Não é à toa que cada vez mais empresas implementam o modelo “sem paredes” de trabalho. O sucesso se dá na melhor comunicação dos funcionários e no estímulo ao trabalho em equipe. 

Com o desenvolvimento de boas relações, se torna bem mais fácil promover uma gestão mais eficiente dos talentos.

6. Invista em capacitação 

Por mais qualificados que seus colaboradores podem ser, novos conhecimentos e aprendizados nunca é suficiente. 

Investir em capacitação, além de trazer melhores resultados para sua empresa, mostra a sua preocupação com o desenvolvimento dos seus colaboradores.

Por isso, incentive a participação em cursos, palestras ou workshops relacionados com a área de atuação dos seus colaboradores na empresa.

7. Proporcione uma jornada de trabalho flexível

Seja no sentido de liberdade criativa ou de horários de trabalho, oferecer mais liberdade para o colaborador é essencial para melhorar os resultados da empresa. 

Sabemos que imprevistos acontecem para todos e pode ser extremamente desconfortante para alguém explicar o motivo que o deixou doente ou indisposto para trabalhar algum dia. O horário flexível tem sido adotado por muitas empresas e permite que o colaborador consiga ser mais produtivo ao trabalhar no seu ritmo. 

Isso não quer dizer que a quantidade de horas exigidas não será cumprida mas, diz respeito a liberdade do funcionário de escolher o local e momento em que vai realizar suas atividades. 

Vantagens da jornada de trabalho flexível: 

  • Possibilidade de adaptar seus horários de trabalho alinhada com a vida pessoal;
  • Maior motivação para a realização das tarefas;
  • Melhora no desempenho; 
  • Mais respeito aos prazos; 
  • Diminuição nos problemas com deslocamento e horários de pico; 
  • Mais confiança entre líder e colaborador. 

A importância de uma Gestão de Talentos 

Os colaboradores são e sempre vão ser um dos pilares mais importantes dentro de uma empresa. Eles estruturam, desenvolvem, entregam e representam a empresa no mercado. Por isso é tão fundamental criar um modelo de gestão que os valorize e que os faça crescer cada vez mais. 

Essas ações mostram que você é um líder preocupado com o desenvolvimento pessoal e profissional de cada funcionário, fortalecendo laços e incentivando o desempenho dentro da empresa. 

Ficou com alguma dúvida? Deixe seu comentário que a gente descomplica para você. 

Até a próxima! 😉 

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe nas suas redes sociais

Thais Souza

Estudante de Publicidade e Propaganda, é Redatora na Foregon. Gosta de escrever textos sobre dicas de viagens e destinos. Nas horas livres gosta de ler e cozinhar.

Ver todos os posts

Leia a seguir

  • Dicas financeiras

    Por que é importante ter o nome limpo?

  • Dicas financeiras

    Relatório Macroeconômico da Boa Vista: como adquirir?

  • Dicas financeiras

    Aviso Eletrônico de Débito da Boa Vista: saiba o que é

Ver mais conteúdos

Veja o que estão comentando

Principais conteúdos

Principais assuntos

  1. Home
  2. Conteúdo
  3. Dicas financeiras