Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos

Governador de SP cancela todos os concursos públicos até 2022

Por Janaína TavaresPublicado em

No último dia 13 de janeiro, o governador de São Paulo João Dória (PSDB) assinou um decreto que suspende o andamento dos concursos públicos e de novos editais até 31 de dezembro de 2021.

Com a decisão, que pode ser acessada na íntegra, é preciso ficar atento e verificar se o concurso público que você gostaria de fazer está incluído nesse decreto. Portanto, acompanhe a leitura do artigo para ficar por dentro de mais informações.

O que diz o decreto que cancela os concursos públicos de SP?

De acordo com o decreto nº 65.453, publicado no Diário Oficial de São Paulo, as medidas de suspender os concursos públicos em 2021 são necessárias para reduzir as despesas com pessoal e encargos sociais durante a pandemia de Covid-19.

Imperdível
Sua chance de ter um cartão de crédito sem anuidade78.477 pessoas já pediram
Ver cartão
Encerra em 16:20

Portanto, até 31 de dezembro de 2021, fica vedada a abertura de novos concursos públicos, assim como:

  • I – os concursos públicos em andamento;
  • II – a admissão de estagiários;
  • III – as nomeações para cargos públicos e as admissões em empregos públicos, quando vagos;
  • IV – a fixação de metas e a realização de avaliações referentes a bonificações e participações nos resultados que possam importar a assunção de despesas adicionais.

Quais concursos públicos não serão afetados pelo decreto?

Apesar disso, o decreto deixa claro que os cancelamentos e suspensões de concursos públicos no estado de SP não são válidos para as universidades públicas estaduais, concursos municipais e tribunais.

Em outras palavras, o decreto do governador de SP só vale para concursos estaduais e órgãos que não possuem autonomia administrativa.

Dito isso, é importante ressaltar que alguns concursos públicos não serão afetados em 2021. Logo abaixo, citaremos alguns exemplos:

  • Concurso do Tribunal de Contas do município de São Paulo;
  • Concurso da prefeitura municipal de São Paulo;
  • Concurso Polícia Militar de São Paulo.

Fora esses, existem alguns órgãos que têm autonomia para decidir sobre a suspensão ou não do concurso:

  • Concurso da Procuradoria-Geral do estado de São Paulo;
  • Concurso do Tribunal de Justiça (cartórios);
  • Concurso do Tribunal de Justiça Militar de São Paulo.

Conteúdos que você precisa conhecer

Fique com a gente e aproveite esse momento para conhecer outros artigos da Foregon que preparamos para você:

Descomplicamos?

Esperamos ter ajudado você com o nosso conteúdo. Em casos de dúvidas ou sugestões, envie seu comentário para que possamos responder. Até a próxima!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Janaína Tavares

Jornalista e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, a Janaína (ou Jana). Como redatora, ama os conteúdos sobre dicas financeiras. Preza pela checagem de todas as informações e o conteúdo perfeito para ela, é aquele que ajuda o leitor a resolver um problema, ensinando e orientando o leitor a tomar a melhor decisão.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

A Nextel agora é ‘Claro nxt’: entenda o que mudou

IBGE abre concurso para 204 mil vagas temporárias do Censo 2021

Entenda porque o preço do gás de cozinha aumentou

Conheça os 9 projetos que visam prorrogar o Auxílio Emergencial

MT lança o seguro-desemprego pela internet: confira

Programa de fidelidade da Americanas será gratuito para todos os clientes

Banco Inter faz parceria com Vítreo para oferecer fundos de criptomoedas

Governo edita Medida Provisória que facilitará o acesso a empréstimos

  1. Home
  2. Conteúdo
  3. Notícias sobre economia e finanças