Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta

Governo de Santa Catarina libera cadastro ao SC Mais Renda. Saiba como se cadastrar

Por Camila SilveiraPublicado em

O Governo de Santa Catarina liberou, no dia 10 de junho, o cadastro de participantes ao SC Mais Renda, programa destinado aos profissionais que tiveram seu vínculo formal de emprego interrompido durante a pandemia da Covid-19.

O programa tem como propósito beneficiar trabalhadores dos setores de alimentação, eventos, artes cênicas, turismo e transporte público e, também fornecer suporte financeiro às famílias que se encontram em situação de vulnerabilidade social.

É esperado que aproximadamente 67 mil famílias participem do programa. Todas as informações sobre o processo de cadastramento ao programa estarão disponíveis no Portal de Serviços.

Para os representantes do governo, o programa trará benefícios à população

"O SC Mais Renda é o auxílio emergencial do Governo do Estado que vai trazer mais dignidade aos catarinenses que perderam renda durante a pandemia. Queremos agilizar o apoio financeiro às famílias e atender aqueles que mais precisam neste momento", afirma o criador do SC Mais Renda, governador Carlos Moisés.

O valor do benefício será de R$ 900 e ele será dividido em três parcelas de R$ 300.

Homem desconfiado com a mão no queixo

Com o seu score calculado, você descobre o produto financeiro ideal para você!

Calcule o seu score de forma gratuita, rápida e segura e tenha acesso a centenas de cartões de crédito e outros produtos financeiros.
+ 1.267.543 milhões de pessoas já consultaram

Ao criar uma conta você aceita nossos termos de uso política de privacidade. Aceita também receber notificações por e-mail e SMS, que podem ser canceladas quando quiser.

"Esse foi um grande gesto de solidariedade do Governo do Estado para com aqueles que mais necessitam. Um dia muito especial. Estão de parabéns todos os parlamentares", disse o Secretário de Desenvolvimento Social (SDS), Claudinei Marques.

O deputado José Milton Scheffer, líder do governo, afirmou que a medida pode se classificar como de extrema importância, até porque ela tem a capacidade de levar maior qualidade de vida aos cidadãos que, durante a pandemia, passam por inúmeras dificuldades.

Mais detalhes sobre o programa SC Mais Renda

O secretário de Desenvolvimento Social, Daniel Netto Cândido, disse que haverá uma distribuição de cartões magnéticos, após a aprovação dos cadastros.

"Queremos que a utilização ocorra da melhor maneira possível para o beneficiário, sem transtornos para quem já sofreu tanto com essa pandemia. Os cartões devem ser entregues com segurança e rapidez, amenizando o sofrimento de milhares de catarinenses", concluiu Daniel.

A proposta do Governo do Estado é que os cartões sejam usados para o pagamento de compras em qualquer estabelecimento comercial, já que não existe a possibilidade de sacar o dinheiro em espécie.

Inclusão dos beneficiários do Bolsa Família

Além disso, a previsão é que os deputados realizem uma reunião com o governador Carlos Moisés sobre uma possível inclusão dos participantes do programa Bolsa Família.

"Queremos fazer justiça com os mais pobres e os miseráveis. Esse auxílio não vai atingir a todos. […] É possível avançar nesse diálogo e o governo tem dinheiro para isso", destacou a deputada Luciane Carminatti.

O texto aprovado por unanimidade foi apresentado em março deste ano pela governadora interina Daniela Reinehr. No entanto, o governador Carlos Moisés, em uma de suas primeiras ações, alterou a abrangência e o nome do benefício, que deixou de se chamar Auxílio Catarina sendo nomeado como SC Mais Renda.

Os valores devem ser liberados a partir de julho, com disponibilização também nos meses de agosto e setembro.

Vale lembrar que não será possível sacar o dinheiro. Esse valor só poderá ser utilizado para a realização de compras em mercados, farmácias e outros estabelecimentos comerciais, por meio do cartão magnético com vínculo ao Banco do Brasil, que será oferecido.

"O projeto está pronto para ser executado. A equipe está vendo apenas o trâmite legal. A forma de levar até os municípios o cartão", afirmou o chefe da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Social (SDS), Claudinei Marques.

Quem tem direito ao SC Mais Renda?

  • Famílias com inscrição no Cadastro Único;
  • Renda mensal de até R$ 89,01 por pessoa;
  • Ou renda mensal entre R$ 89,01 e R$ 178 por pessoa, desde que exista em sua composição gestante e crianças/adolescentes de até 17 anos.

Por enquanto, os beneficiários do Bolsa Família não têm direito ao benefício. Tal realidade pode mudar ou não, dependendo da decisão do governador Carlos Moisés.

Os beneficiários do Auxílio Emergencial Federal e presos em regime fechado também não têm direito ao SC Mais Renda.

Como fazer o cadastro?

Antes, é importante ressaltar que as famílias registradas no Cadastro Único não precisam fazer um novo cadastro, pois os beneficiários aptos já foram selecionados pela Secretaria de Estado do Desenvolvimento Social (SDS).

Sendo assim, o cadastro deve ser feito somente para os trabalhadores que perderam o emprego durante a pandemia. Confira o passo a passo:

  1. Acesse o Portal SC e clique em "Serviços", localizado no topo do site;
  2. Em seguida, clique em "Solicitar Auxílio Emergencial SC Mais Renda";
  3. Selecione a opção "Solicitar" e entre com o acesso "GOV.BR";
  4. Preencha o formulário online e, depois, clique em "SOLICITAR SERVIÇO";
  5. Sua solicitação passará por uma análise. Aguarde a comunicação;
  6. Após o cadastro aprovado, um cartão será disponibilizado para uso em redes conveniadas;
  7. O local e disponibilidade para a retirada do cartão será notificado via e-mail cadastrado e no Portal dos Serviços.

Descomplicamos?

Esperamos ter ajudado você com esse conteúdo. Em caso de dúvidas ou sugestões, deixe o seu comentário para nós. Até mais!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Camila Silveira

Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, adora descomplicar os cartões de crédito, empréstimos, financiamentos, seguros, contas digitais, entre outros. Boa parte do seu trabalho é acompanhar a movimentação dos bancos e instituições financeiras para trazer as principais notícias do mercado.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

Inter oferece 12% de cashback nas compras feitas na Amazon

Banco do Brasil lança financiamento de iPhone em até 60X

Caixa reduz parcelas de financiamento durante licença maternidade

FGTS poderá ser utilizado para compra de casa popular em 2023

Foregon marca presença no StartupON compondo time de empreendedores da região Oeste do Estado de São Paulo

Ganhe 4% de investback com o cartão XP para abastecer seu veículo

Auxílio Brasil cancelado: conheça os principais motivos

Distrito e Foregon promovem um seminário gratuito sobre Educação Financeira para negócios