Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta

Home office: 92% das mulheres são responsáveis pelos filhos, além do trabalho

Por Nara LimaPublicado em

De acordo com uma pesquisa realizada pela Catho _ site brasileiro de classificados de empregos ,92% das mulheres que estão em home office são as responsáveis pelos filhos, que também estão em casa neste período.

Seis mil profissionais foram entrevistados na segunda quinzena de abril. Dentre eles: 15,5% estão trabalhando em casa e 71% estão tendo que ir para o local de trabalho.

Homens e mulheres desempenham as mesmas funções?

Não é de hoje que as mulheres dividem seu tempo entre cuidar dos filhos e o trabalho. A situação, que foi potencializada pela pandemia, pode causar uma intensa sobrecarga de tarefas. 

Segundo a Catho, 69% das mães que trabalham fora, deixam seus filhos com outras pessoas; 19% com os pais e 12% em uma escola ou creche. Já entre os pais, 58% deixam os filhos com as mães; 36% com outras pessoas e 6% em uma escola ou creche.

Um terço das mulheres entrevistadas são chefes de família que precisam conciliar trabalho, filhos, vida financeira e saúde psicológica. Vale lembrar que nesse grupo, estão incluídas mulheres em home office, em trabalho presencial e também desempregadas.

Homem desconfiado com a mão no queixo

Com o seu score calculado, você descobre o produto financeiro ideal para você!

Calcule o seu score de forma gratuita, rápida e segura e tenha acesso a centenas de cartões de crédito e outros produtos financeiros.
+ 1.267.543 milhões de pessoas já consultaram

Ao criar uma conta você aceita nossos termos de uso política de privacidade. Aceita também receber notificações por e-mail e SMS, que podem ser canceladas quando quiser.

Como a pandemia impactou a vida das mulheres?

Além do grande número de mulheres que foram demitidas durante a pandemia, existem aquelas que precisaram pedir demissão, pois não tinham com quem deixar os filhos e também as que entraram em regime de home office e precisaram se adaptar entre os afazeres profissionais, tarefas domésticas e o cuidado das crianças em período integral.

A pesquisa revelou ainda que 40% das mães que trabalham na área da saúde, deixaram de conviver com os seus filhos para evitar a transmissão da Covid-19.

Rede de apoio

Não apenas nesse momento de pandemia, mas em todos, é muito importante e necessário ter uma base de apoio. A união traz segurança, não deixa com que a mulher caia e dá forcas para ela continuar. 

Gostou do conteúdo?

Além de descomplicar a sua vida, queremos manter você bem informado e a par da realidade dos brasileiros. Até a próxima!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Nara Lima

Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, gosta de escrever sobre educação financeira. Preza pela facilidade da leitura e pela checagem das informações, buscando produzir um conteúdo de leitura simplificada e que sane as dúvidas do leitor.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

14º salário: entenda como funciona e quem tem direito ao benefício

Auxílio Brasil: como saber se você tem direito ao benefício?

Tudo o que já se sabe sobre o Auxílio Brasil

Auxílio Emergencial: 627 mil pessoas são notificadas para devolver o benefício

Auxílio Emergencial: pagamento liberado para nascidos em abril

Auxílio Emergencial: 650 mil pessoas terão de devolver o benefício

Confira o calendário das novas parcelas do Auxílio Emergencial até outubro

Auxílio Emergencial: saque liberado para trabalhadores nascidos em outubro