Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta

Mastercard estima aumento nas taxas para pagamentos online com cartão de crédito

Por Camila SilveiraPublicado em

Em breve, a chamada "tarifa de intercâmbio" para pagamentos online realizados com cartão de crédito sofrerá um aumento. O reajuste, que será feito pela operadora Mastercard, não agradou o varejo e o e-commerce, que defendem que a iniciativa irá acelerar a inflação e diminuir o poder de compra dos consumidores.

De acordo com informações, a partir do mês de abril a Mastercard pretende aumentar 0,2% nas taxas para pagamentos online feitos no crédito, e até 0,5% nas transações realizadas no débito. Apesar disso, é válido destacar que os porcentuais podem variar de acordo com cada setor.

A tarifa de intercâmbio é cobrada pela operadora que faz o repasse aos bancos que emitem os cartões da bandeira. Segundo a Mastercard, provavelmente, o consumidor que irá arcar com o aumento de custo.

Comerciantes não aprovam o aumento da taxa

Os comerciantes se mostraram contra o aumento e pedem para que a operadora Mastercard não implemente o reajuste.

A Associação Brasileira de Supermercados (ABRAS) e a Associação Brasileira dos Atacadistas de Autosserviço (ABAAS) enviaram documentos extrajudiciais para a operadora de cartões alertando sobre o aumento das tarifas.

Homem desconfiado com a mão no queixo

Com o seu score calculado, você descobre o produto financeiro ideal para você!

Calcule o seu score de forma gratuita, rápida e segura e tenha acesso a centenas de cartões de crédito e outros produtos financeiros.
+ 1.267.543 milhões de pessoas já consultaram

Ao criar uma conta você aceita nossos termos de uso política de privacidade. Aceita também receber notificações por e-mail e SMS, que podem ser canceladas quando quiser.

Outras associações vinculadas ao setor de e-commerce também se manifestaram contra o aumento no final de março, através de uma carta enviada à administração da Mastercard.

De acordo com a ABRAS, em nenhum momento a empresa de cartões apresentou "justificativa econômica e jurídica" para o aumento nas taxas. Outro argumento usado pela associação é que o aumento causará "aceleração na inflação e a redução do poder de compra dos consumidores".

Por outro lado, a ABAAS afirma que o aumento da Mastercard é "inaceitável, abusivo, exorbitante e desproporcional". No documento, a associação ainda ameaça "repensar" sobre o uso da bandeira em suas vendas.

Em carta enviada à Mastercard, os representantes solicitaram a suspensão imediata da iniciativa de aumento nas taxas de intercâmbio e projetam um cenário em que o reajuste causará um impacto de aproximadamente R$ 604 milhões ao ano para o e-commerce.

Resposta da Mastercard

De acordo com a Mastercard, em nota enviada à Globo, a taxa seria atualizada ainda em abril, "respeitando os limites estabelecidos pelo regulador". Além disso, a operadora destaca que as tarifas são repassadas ao banco do titular do cartão pelos serviços prestados e que não recebe "nenhuma receita advinda das taxas de intercâmbio".

Informamos?

Nosso objetivo é descomplicar todos os assuntos sobre economia e finanças, bem como te auxiliar a encontrar o produto financeiro ideal. Consulte o seu CPF no Portal da Foregon e receba as melhores ofertas de cartão, conta digital e empréstimo!

Consulte seu CPF grátis e receba as melhores ofertas!

Mais de 300 opções entre cartões de crédito, contas e empréstimos.

Consultar CPF grátis
+ 1.267.543 milhões de pessoas já consultaram

Até a próxima!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Camila Silveira

Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, adora descomplicar os cartões de crédito, empréstimos, financiamentos, seguros, contas digitais, entre outros. Boa parte do seu trabalho é acompanhar a movimentação dos bancos e instituições financeiras para trazer as principais notícias do mercado.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

Inter oferece 12% de cashback nas compras feitas na Amazon

Banco do Brasil lança financiamento de iPhone em até 60X

Caixa reduz parcelas de financiamento durante licença maternidade

FGTS poderá ser utilizado para compra de casa popular em 2023

Foregon marca presença no StartupON compondo time de empreendedores da região Oeste do Estado de São Paulo

Ganhe 4% de investback com o cartão XP para abastecer seu veículo

Auxílio Brasil cancelado: conheça os principais motivos

Distrito e Foregon promovem um seminário gratuito sobre Educação Financeira para negócios