Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos

Metas para 2021: como se organizar financeiramente

Por Banco PANPublicado em

Você sabia que o Brasil tem cerca de 60 milhões de pessoas inadimplentes segundo dados do Serasa Experian? Parece muita gente, e é muita gente mesmo. Se a população brasileira é de pouco mais de 209 milhões de pessoas, isso significa que praticamente um em cada três brasileiros tem o nome sujo.

Para não fazer parte dessas estatísticas, o que você precisa fazer é se organizar financeiramente.

Para entender como isso funciona na prática, vale a pena colocar na ponta do lápis as despesas do ano e colocar novas metas para 2021. Assim, é possível gastar com mais consciência e fazer render o seu orçamento.

Imperdível
Sua chance de ter um cartão de crédito sem anuidade78.477 pessoas já pediram
Ver cartão
Encerra em 16:20

Na prática…

Faça uma retrospectiva de suas despesas em 2020. Todo tipo de organização financeira começa com duas perguntas:

  • Quanto eu ganho mensalmente?
  • Quanto eu gasto mensalmente?

Saber as respostas para essas questões ajuda a identificar a origem de suas despesas e o quanto você está gastando além do que ganha em um mês.

Afinal, para se organizar financeiramente, é fundamental gastar menos do que você ganha.

Então, recupere os extratos do ano e identifique quais despesas foram necessárias e quais delas poderiam ter sido evitadas. Essa avaliação detalhada já é um elemento essencial para ter mais controle sobre as suas finanças e se planejar melhor.

Metas financeiras

Sua educação financeira pode ser reforçada por meio de algumas metas. Por exemplo: digamos que você tenha uma renda mensal de R$ 2.000 e que as despesas no mesmo período cheguem a R$ 2.300.

A primeira meta, nessa situação, pode consistir em reduzir os gastos para R$ 1.800, o que representa em um novo saldo positivo de R$ 200 todos os meses. Em seguida, identifique investimentos inteligentes que você pode fazer com esse dinheiro poupado.

Independentemente do objetivo, é importante ter ambições financeiras para equilibrar as despesas e incentivar a economia mês a mês.

Esta, aliás, é uma das características de pessoas que tiveram muito sucesso financeiro na vida. Por exemplo, Jeff Bezos, o fundador da Amazon e homem mais rico do mundo. Dos sete conselhos dados por ele, focar em objetivos é um deles.

Quite as dívidas

Que tal fugir das estatísticas do país em número de inadimplentes? Para isso, analise os seus extratos e registros bancários para saber, exatamente, qual é o valor total das suas dívidas.

Depois, identifique quais pendências têm as maiores multas e taxas de juros e priorize a quitação delas. Com isso, o orçamento sofre menos com essas penalidades e você pode estabelecer um prazo para acabar com as dívidas para poder se organizar financeiramente.

Cuidado com alguns mitos que existem no mercado. É verdade, sim, que as dívidas "caducam" depois de cinco anos de nome sujo. Isto significa que você não poderá mais ficar com o CPF negativado em órgãos como o Serasa após cinco anos. Porém, o seu score vai continuar baixo nessas instituições se a dívida não for paga, e isso vai restringir o seu acesso ao crédito.

Reserva financeira

Reservas de emergência parecem, em princípio, desnecessárias. Mas é quando necessitamos de uma quantia inesperada de dinheiro que entendemos o valor dessa medida preventiva, chamada de reserva de emergência.

Por exemplo: o encanamento de casa tem causado prejuízos e o conserto vai custar mais do que você imaginava. Já dá para imaginar o quanto isso vai prejudicar o orçamento planejado para o mês, certo?

Então, se esforce para dedicar uma porcentagem — por menor que seja — da sua renda para a composição da reserva. Mês após mês, ela vai ganhar volume e garantir mais segurança para lidar com eventuais imprevistos sem entrar em uma nova (ou mais uma) dívida.

Controle os gastos

Mais uma boa meta para 2021: ter mais controle dos gastos. Isso vai ajudar tanto a alcançar os seus objetivos financeiros como a montar a reserva de emergência. Sem falar que, se existirem dívidas no seu nome, você pode converter essas despesas em um saldo maior para quitar os débitos.

Comece avaliando quais gastos poderiam ter sido evitados, nos últimos três ou seis meses, e comece o ano de olho nessas compras que só serviram para fatiar o seu orçamento e prejudicar a sua saúde financeira.

Alguns exemplos de compras que nem reparamos em quanto impactam o orçamento, como:

  • Cafezinho ou lanches fora de casa com frequência;
  • Comer fora ou serviço de delivery muitas vezes ao mês;
  • Happy hours com muita frequência;
  • Compras por impulso.

Muitas vezes é possível substituir esses gastos por alternativas mais econômicas. Bom exemplo disso é a opção de fazer um happy hour em casa, planejando todo o cardápio e o preparo (e as despesas) entre amigos; e também o hábito de preparar um lanche em casa para levar à rua, evitando os aperitivos comprados em bares e restaurantes. É possível economizar até na hora de limpar a casa e de fazer compras online.

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Banco PAN

O Banco PAN atua com foco em pessoas físicas, ofertando crédito consignado (empréstimo e cartão de crédito), financiamento de veículos usados e motos novas, além de conta corrente digital completa, cartões de crédito e venda de seguros

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

O que é Serasa Premium

O que é Serasa eCred

Calendário financeiro: como planejar e organizar as despesas

Serasa score: como consultar e aumentar a sua pontuação

Metas para 2021: como se organizar financeiramente

O score de crédito da Foregon é confiável?

Como consultar o score de crédito na Foregon?

Por que a pontuação da Foregon é diferente do score da Serasa?

  1. Home
  2. Conteúdo
  3. Educação financeira