Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta

O impacto da dívida nas empresas

Por Leonardo JacominiPublicado em

Educação financeira nunca foi o forte em nosso país. Aquilo que deveríamos aprender desde pequenos, acaba refletido em adultos que não sabem gerir o próprio dinheiro e funcionários menos produtivos, o que conhecemos como absenteísmo.

Como na vida pessoal, a profissional não poderia ser diferente. Quando as coisas não vão bem, o resto também não vai. Ou seja, o trabalho tende a caminhar no mesmo ânimo do dia a dia.

E falando de dívidas, o negócio parece que é ainda mais chato, penoso. As contas não fecham, o salário acaba antes do mês e tudo parece que não vai ter mais jeito. Tem como trabalhar bem nessas condições? Não né!?

Imperdível
Sua chance de ter um cartão de crédito sem anuidade78.477 pessoas já pediram
Ver cartão
Encerra em 16:20

Já parou para pensar que o problema do seu funcionário também é problema seu? Surprise! A organização é composta majoritariamente pelos funcionários que a compõe. Quando a engrenagem não roda como deveria, a produção cai.

Impacto da dívida nas empresas

É justamente aí que quero chegar com essa conversa. Você pode ser aquele "óleo" que vai fazer a máquina girar bem de novo. Controle de absenteísmo nunca foi tão importante como nos últimos tempos.

Mas, o que é o absenteísmo?

Quando um funcionário começa a se afastar, faltar com frequência, vive de atestado médico e procura meios para não trabalhar, isso é conhecido como absenteísmo.

Imagine que o colaborador aí da sua empresa está "entupido" de dívidas. Durante o trabalho, seu foco estará em conseguir resolver os problemas, usando as horas de serviço para isso. As tarefas ficam para trás.

Por que é importante controlar o absenteísmo?

As dívidas, segundo especialistas, desenvolvem depressão, vergonha, estresse e complicações nos relacionamentos. O resultado? A empresa não produzirá o tanto que ela tem de capacidade. As entregas começam a atrasar ou simplesmente não acontecem.

Segundo uma pesquisa feita nos EUA, pela PricewaterhouseCoopers, no ano de 2012, 97% dos funcionários utilizaram horas de trabalho para cuidar de questões financeiras pessoais.

O absenteísmo é o pontapé para o turnover. Isso quer dizer que, em meio as dívidas, os funcionários procuram formas para ter dinheiro. A alternativa pode ser uma demissão provocada pelo próprio colaborador.

O que convém no momento, é o dinheiro da rescisão. Pensar no depois é que muitos se esquecem, quando acabar a reserva e estiver sem emprego.

Turnover tem se mostrado um problema no Brasil

No Brasil, segundo uma pesquisa feita pela consultoria Robert Half, o aumento do turnover nas organizações foi de 82%, enquanto no mundo todo, o crescimento foi de 38%.

O turnover acontece assim que funcionários são demitidos, outros contratados e esse movimento tem uma continuidade. Olha o quanto se gasta com isso. Acordos, tempo com entrevistas, capacitações e energia da diretoria. Ponto negativo para a empresa.

Olhe para sua organização agora e responda para você mesmo. Você sabe ou tem ideia de quantos funcionários têm dívidas ou estão negativados? Alguma vez já foi feito o levantamento sobre o índice de absenteísmo e turnover? E mais afundo e urgente: o quanto esses problemas geram impacto na empresa?

Certamente com esse exercício você irá descobrir que seus funcionários precisam de ajuda. Ou melhor, toda a organização precisa!

O que "arrasta" esse problema é que, primeiro, gestores ignoram esse efeito. E segundo, existe um pensamento de que há somente casos isolados.

Investir em educação financeira é uma estratégia, que fica difícil a cada dia deixar para depois. Num cenário onde o crédito é facilmente oferecido e a economia encontra-se fragilizada, a medida educacional é benéfica para ambas as partes. Funcionário bem – empresa vai bem.

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Leonardo Jacomini

Jornalista e Produtor de Conteúdo Multimídia. Gosta de escrever sobre dicas úteis para o dia a dia, ainda mais quando o tema é economizar. Adora livros e assistir filmes e séries em seu tempo livre.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

Veja como descobrir o seu índice de saúde financeira

Muito além do amor: conheça os gastos de ter um animal de estimação

Score de e-mail: entenda como funciona e seus benefícios

O que são plataformas de contratos inteligentes

“Boleto é cringe”: entenda a relação da geração Z com o dinheiro

O que é o INPC e como ele afeta a sua vida?

O que é Bitcoin?

Mercado financeiro: como ele funciona?