Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta

O que é uma alíquota?

Por Camila SilveiraPublicado em

Apesar do termo alíquota não ser muito popular entre os brasileiros, ele está presente sempre quando falamos de impostos. Neste artigo, você vai entender o que esse conceito significa, para o que ele serve e, também, conhecerá suas categorias. Ficou interessado? Continue a leitura e esclareça todas as suas dúvidas.

O que você procura?

O que é uma alíquota?

De forma resumida, a alíquota: está presente no Imposto de Renda (IR); afeta o preço dos produtos que os consumidores compram em lojas e supermercados; e regula os investimentos que as pessoas fazem com o dinheiro. Em outras palavras, ela é usada para calcular o valor final que uma pessoa ou empresa pagará de imposto.

A alíquota pode ser representada por um percentual ou valor fixo, que deve ser aplicado sobre uma quantia de dinheiro no momento de calcular diversos tipos de impostos.

No Brasil, temos o IRPF, ICMS, IPVA, IPTU, entre outros. Enquanto alguns deles passam pelo consumidor, outros passam por donos de empresas e terras. Cada um deles possui suas próprias alíquotas.

No caso do Imposto de Renda, as alíquotas podem variar entre 7,5% e 27,5%. Isso quer dizer, portanto, que o percentual a ser descontado dos seus rendimentos do ano poderá ser entre esses valores citados.

Já no caso do ICMS, imposto pago por comerciantes, as alíquotas cobradas influenciam diretamente o preço final dos produtos disponíveis para o consumidor (pessoa física). Conseguiu entender melhor o que uma alíquota representa?

Conheça os tipos de alíquota

As alíquotas de impostos podem ser fixas ou variáveis. Entenda detalhadamente suas categorias e esclareça suas dúvidas:

  • Fixa: quando aplicada a todos os contribuintes, sem critérios que os diferencie;
  • Variável: quando muda de acordo com a base de cálculo.

A alíquota pode ser também progressiva, ou seja, que aumenta proporcionalmente de acordo com a base de cálculo (quanto maior a renda, posse ou base de cálculo, maior será a alíquota). Existe outro caso em que a alíquota pode ser zero, ou seja, momento em que há a isenção do imposto.

Descomplicamos?

Esperamos ter ajudado você com esse conteúdo. Em caso de dúvidas ou sugestões, deixe um comentário para nós e até a próxima!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Camila Silveira

Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, adora descomplicar os cartões de crédito, empréstimos, financiamentos, seguros, contas digitais, entre outros. Boa parte do seu trabalho é acompanhar a movimentação dos bancos e instituições financeiras para trazer as principais notícias do mercado.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

Guia Completo dos Bancos: Tudo o que você Precisa Saber

CDI, SELIC ou IPCA: Conheça os Indexadores dos Investimentos

Bolsa Americana: saiba como Investir no Exterior

Evite Multas: Saiba Declarar Imposto de Renda MEI

É Preciso Incluir Pensão Alimentícia no Imposto de Renda?

Sonegação de Impostos: como Evitar Problemas com a Receita

Conheça 5 opções de Investimentos de alto Retorno para Jovens

Foregon: Como usar a Plataforma para Planejar suas Finanças?