Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos

O que são debêntures?

Por Thais SouzaPublicado em

Se engana quem pensa que as debêntures são feitas apenas para grandes investidores. No mercado, é possível encontrar opções a partir de R$ 1 mil, rendendo muito mais que Tesouro Direto, CDB, LCA e outras aplicações.

Elas podem ser uma ótima opção, principalmente para quem deseja ter, ao mesmo tempo, segurança e uma carteira diversificada. Quer saber mais sobre esse tipo de investimento? Então continue com a gente. 

O que são debêntures? 

As debêntures são títulos de dívidas, que fazem do investimento, um empréstimo para empresas. Ou seja, um título de dívida de empresa que oferece direito de crédito ao investidor, remunerado por meio de de juros pré ou pós-fixados.

Imperdível
Sua chance de ter um cartão de crédito sem anuidade78.477 pessoas já pediram
Ver cartão
Encerra em 16:20

Muitas empresas, quando desejam investir, não pegam empréstimos de bancos, pois os juros são mais altos. Portanto, quando você investe em debêntures, você "empresta" dinheiro para um empresa de grande porte e, em troca, recebe um rendimento anual acertado no momento da compra do título. Ou seja, todo mundo sai ganhando: a empresa com seus juros menores e você com seu ótimo rendimento. 

As debêntures são lançadas pela própria empresa que deseja captar recursos, desde que não seja uma instituição financeira ou uma instituição de crédito imobiliário. Assim, uma pessoa que estiver interessada, pode comprar uma debênture e, em contrapartida, receber os juros sobre o dinheiro que investiu na empresa.

Quais são os tipos de debêntures?

  • Debêntures conversíveis: o rendimento pode ser convertido em ações em um determinado prazo ou no final do período de validade deste título; 
  • Debêntures simples: elas não podem ser convertidas em ações, portanto, você receberá seu rendimento direto na sua conta do banco ou corretora;
  • Debêntures permutáveis: o investidor pode escolher se quer receber ações ou ativos da empresa como forma de pagamento;
  • Debêntures incentivadas: são aquelas em que a empresa que lança os títulos utiliza o dinheiro para a execução de alguma obra de infraestrutura. 

Perguntas frequentes (FAQ) 

As debêntures têm garantia do FGC?

Debêntures não tem garantia do Fundo Garantidor de Crédito. Porém, elas usam a própria empresa para a qual "trabalham" como garantia e para cada debênture, existe uma garantia e níveis de riscos diferentes.

Qual o rendimento das debêntures?

O rendimento das debêntures pode ser pré-fixado: quando a taxa de juros anual é definida no momento da compra, pós-fixado: quando o rendimento não pode ser previsto com 100% de certeza no momento da aquisição do título e híbrido: é a união das taxas prefixada e pós-fixada.

Qual o prazo de vencimento das debêntures?

Esses títulos são investimentos de médio prazo a longo prazo. Normalmente são estipulados em pelo menos 2 anos e podem chegar até mais de uma década.

Qual o risco de investir em debêntures?

Por não possuir garantia do FGC, o maior risco de investir em uma debênture é o risco de crédito. Ou seja, da empresa não pagar o devido por seu investimento.

Debêntures são investimentos em Renda Fixa ou Variável?

As debêntures são investimentos de Renda Fixa.

Como investir em debêntures?

Inicialmente, será necessário abrir conta uma corretora de valores, enviar dinheiro para lá e, em seguida, escolher o título que mais se adapta aos seus objetivos e também ao seu perfil de investidor.

Descomplicamos? 

Ficou com alguma dúvida sobre as debêntures? Deixe seu comentário abaixo que a gente descomplica para você. Até a próxima! 

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Thais Souza

Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, se identifica com conteúdos relacionados a investimentos e empréstimos e acredita que esse tipo de conhecimento pode mudar a vida das pessoas. Busca impactar a vida de pessoas que buscam resolver um problema ou conhecer melhor um produto ou serviço financeiro.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

Selic a 2,75%: investir em Renda Fixa ou Variável?

Aumento da taxa Selic: como ficam os investimentos de renda fixa?

Conheça os melhores investimentos para idosos

Tesouro Direto: títulos fecham em fevereiro no vermelho

O que é diversificação da carteira de investimentos e qual sua importância

Inter Invest: conheça a corretora de investimentos do Banco Inter

Dicas para investir em Renda Fixa: guia completo

Como o CDI influencia seus investimentos?

  1. Home
  2. Conteúdo
  3. Investimentos