Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta

Operações com Pix superam transações com cartão de crédito e débito

Por Thais SouzaPublicado em

O Banco Central divulgou recentemente que as operações com Pix superaram as transações feitas com cartões de crédito e débito pela primeira vez. Os números são referentes ao 4º trimestre de 2021. Continue e leitura e entenda os números.

O que você procura?

Operações com Pix superam cartão de crédito e débito

Lançado em 2020 pelo Banco Central, o sistema de pagamentos Pix veio para revolucionar a forma em que os brasileiros realizam seus pagamentos e transferências. Desde o início, muitas pessoas já se perguntavam se o Pix iria substituir as transações via TED, DOC ou cartões.

No 4º trimestre de 2021, o Pix foi responsável por uma a cada cinco transações de pagamentos realizadas, representando 20,61% do total de pagamentos feitos no período. No terceiro trimestre do mesmo ano, o Pix representava apenas 17,15% das operações.

Veja abaixo a distribuição dos pagamentos no 4º trimestre de 2021, quando o Pix superou o crédito e o débito:

Transações via: Porcentagem de operações
Pix 20,61%
Cartão de crédito 20,38%
Cartão de débito 19,73%
Boleto + convênio 11,81%
Cartão pré-pago 10,17%
Débito direto 9,21%
Saques 4,77%
TED 1,56%
Transferência interbancárias 1,24%
Outros (DOC, cheque, etc.) 0,51%

Em números, o Pix alcançou, ao todo, 3,89 bilhões de operações no 4º trimestre de 2021. As transações com cartão de crédito foram 3,85 bilhões, enquanto os pagamentos por meio de cartão de débito somaram 3,73 bilhões.

Pix parcelado: uma alternativa ao cartão de crédito?

Apesar de não se tratar de uma iniciativa do Banco Central, alguns bancos e instituições financeiras passaram a oferecer o Pix parcelado em até 24 vezes.

Porém, antes de utilizar o serviço é importante ter muita cautela já que, na verdade, o Pix parcelado é uma espécie de empréstimo pessoal. Ao solicitar, você estará pedindo ao banco um "adiantamento" do valor da transação, que terá a cobrança de juros sobre as parcelas.

O serviço pode ser uma opção para quem não possui cartão de crédito e deseja parcelar uma compra específica.

Leia também

Boa leitura e até a próxima!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Thais Souza

Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, se identifica com conteúdos relacionados a investimentos e empréstimos e acredita que esse tipo de conhecimento pode mudar a vida das pessoas. Busca impactar a vida dos usuários que buscam resolver um problema ou conhecer melhor um produto ou serviço financeiro.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

Foregon participa da 9ª edição da Conferência Anual de Startups e Empreendedorismo

Foregon Marca Presença na 6ª Edição do CX Summit

Foregon está no TOP 10 Fintech – Distrito Awards 2022

Foregon está entre as Melhores Empresas para Trabalhar GPTW – Tecnologia da Informação 2022.

Nubank Ultravioleta: nova Regra para Isenção de Anuidade

Consignado do Auxílio Brasil: Caixa já liberou R$ 1,8 bilhão

Nucoin: conheça a moeda digital que será lançada em 2023

Feirão Serasa Limpa Nome: até 99% de Desconto nas Dívidas