Ir para o conteúdo principal
Foregon.comConteúdos
Acesse sua conta

Pix: bancos têm até dia 4 para limitar transações noturnas a R$ 1 mil

Por Nara LimaPublicado em

As instituições financeiras têm até 4 de outubro para estabelecer o limite de R$ 1 mil para as transferências e pagamentos feitos por Pessoas Físicas entre as 20h e 6h. Aprovada nesta última quinta-feira pelo Banco Central (BC), a regra é válida para todo território nacional.

A novidade havia sido anunciada com o intuito de reduzir os casos de sequestros e roubos noturnos, após pedidos das próprias instituições, bancos e fintechs.

A limitação de R$ 1 mil para as operações noturnas vale tanto para o Pix quanto para outros meios de pagamento, como TED e DOC. Pagamentos de boletos e compras com cartões de débitos também passarão a contar com esse limite.

Vale lembrar que os clientes poderão alterar os limites de transações impostos por meio dos canais de atendimento eletrônico das instituições. Contudo, os aumentos deverão ser feitos com pelo menos 24 horas de antecedência, em vez de concedidos instantaneamente, como era realizado até então.

A medida entrará em vigor até 4 de outubro. Essa é a data limite para que as instituições passem a oferecer aos seus clientes a opção de cadastrar previamente contas que poderão receber transferências via Pix, TED e DOC, acima dos limites estabelecidos.

Homem desconfiado com a mão no queixo

Com o seu score calculado, você descobre o produto financeiro ideal para você!

Calcule o seu score de forma gratuita, rápida e segura e tenha acesso a centenas de cartões de crédito e outros produtos financeiros.
+ 1.267.543 milhões de pessoas já consultaram

Ao criar uma conta você aceita nossos termos de uso política de privacidade. Aceita também receber notificações por e-mail e SMS, que podem ser canceladas quando quiser.

Outras mudanças

Outra novidade é que as instituições financeiras serão obrigadas a fazer registro diário das ocorrências de fraude ou de tentativas de fraude nos serviços de pagamento. O Banco Central informou que os bancos terão até 16 de novembro para implementarem essa medida.

Com base nos registros mensais, as instituições deverão produzir relatórios que consolidem as ocorrências e as ações adotadas.

Gostou do conteúdo?

Essa e diversas outras notícias a respeito do mundo das finanças, você encontra aqui no blog da Foregon. Nos vemos em breve!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe
Nara Lima

Redatora e Especialista em Produtos e Serviços Financeiros na Foregon, gosta de escrever sobre educação financeira. Preza pela facilidade da leitura e pela checagem das informações, buscando produzir um conteúdo de leitura simplificada e que sane as dúvidas do leitor.

Ver todos os posts

Deixe seu comentário

Leia também

Conheça 5 contas PJ que não cobram para receber Pix

Pix ou cartão de crédito: qual a melhor forma para parcelar compras?

Como localizar os estabelecimentos que aceitam Pix Saque e Pix Troco?

Digio oferece opção de Pix parcelado no cartão de crédito: conheça

É cliente Santander? Veja como parcelar Pix em até 24 vezes

Pix parcelado: como funciona e quais bancos oferecem o serviço?

Pix Pessoa Jurídica: existe alguma tarifa para o serviço?

O Pix ameaça a existência do boleto?