saiba como consultar o ipva 2019

Já foi dada a largada para a cobrança do IPVA 2019. Para não ficar perdido sobre quando fazer o pagamento do seu veículo terrestre, é importante se atentar nos prazos estipulados por cada Estado.

Quando chega o IPVA 2019

O Estado de São Paulo possui uma frota de, mais ou menos, 11 milhões de automóveis. Independentemente se você possui um carro, moto, caminhão ou ônibus, saiba que todos os veículos com o final 1 têm desconto ou a primeira parcelar até quinta dia 10. Placas com final 2, no dia 11 e assim por diante.

Minas Gerais, Paraná e Rio de Janeiro também começaram a cobrar o IPVA no primeiro mês do ano. No entanto, é importante lembrarmos que os prazos e valores para pagamento variam de acordo com cada Estado.

Isso acontece porque cada governo estadual fica responsável pela definição da alíquota, que geralmente fica entre 1% e 5% do valor total do veículo.

Você pode consultar o valor venal do automóvel através da Secretaria da Fazenda (Sefaz). Este órgão divulga anualmente uma tabela que mostra o valor dos automóveis no mercado, considerando a desvalorização.

Para entender melhor, se o seu carro custa R$ 20 mil reais na tabela do Sefaz e o IPVA do seu estado cobra o valor de 5% do seu veículo,  o valor total do imposto ficará por R$ 1.000.

Formas de pagamento do IPVA

O pagamento do IPVA pode ser feito de uma única vez, mas também pode ser parcelado em até três parcelas iguais. Vale lembrar que grande parte dos estados não cobram juros pelo parcelamento. Contudo, em casos de atrasos, o juro pode ser cobrado.

Caso você não pague o IPVA, o seu veículo ficará sem licenciamento. Quando há flagrante do motorista dirigindo sem possuir o documento, o carro pode ser apreendido. Fora isso, o não pagamento do IPVA pode fazer com que o nome do responsável seja incluído na dívida ativa do Estado.

Vale lembrar que além do IPVA, é necessário fazer o pagamento do Seguro DPVAT. Essa taxa é referente a um seguro obrigatório que tem o objetivo de proteger vítimas em acidentes de trânsito.

O pagamento do mesmo pode ser feito até o dia 31 de janeiro. Caso ele não seja efetuado, o valor será cobrado com o licenciamento do automóvel, de acordo com a placa.

Datas de pagamento do IPVA 2019

Confira abaixo o prazo para o pagamento do IPVA 2019 de acordo com os Estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Paraná:

São Paulo

PLACA 1ª parcela ou valor total com desconto 2ª parcela ou valor total sem desconto 3ª parcela
Final 1 09/01 11/02 11/03
Final 2 10/01 12/02 12/03
Final 3 11/01 13/02 13/03
Final 4 14/01 14/02 14/03
Final 5 15/01 15/02 15/03
Final 6 16/01 18/02 18/03
Final 7 17/01 19/02 19/03
Final 8 18/01 20/02 20/03
Final 9 21/01 21/02 21/03
Final 0 22/01 22/02 22/03

Rio de Janeiro

PLACA 1ª parcela ou valor total com desconto 2ª parcela ou valor total sem desconto 3ª parcela
Final 0 21/01 20/02 22/03
Final 1 22/01 21/02 25/03
Final 2 23/01 22/02 26/03
Final 3 24/01 25/02 27/03
Final 4 25/01 26/02 28/03
Final 5 28/01 27/02 29/03
Final 6 29/01 28/02 01/04
Final 7 30/01 01/03 02/04
Final 8 31/01 07/03 08/04
Final 9 01/02 08/03 09/04

Minas Gerais

PLACA 1ª parcela ou valor total com desconto 2ª parcela ou valor total sem desconto 3ª parcela
Final 1 e 2 14/01 14/02 14/03
Final 3 e 4 15/01 15/02 15/03
Final 5 e 6 16/01 18/02 18/03
Final 7 e 8 17/01 19/02 19/03
Final 9 e 0 18/01 20/02 20/03

Paraná

PLACA 1ª parcela ou valor total com desconto 2ª parcela ou valor total sem desconto 3ª parcela
Final 1 e 2 24/01 21/02 21/03
Final 3 e 4 25/01 22/02 22/03
Final 5 e 6 28/01 25/02 25/03
Final 7 e 8 29/01 26/02 26/03
Final 9 e 0 30/01 30/02 27/03

 

Em relação aos outros Estados, é importante dizer que eles possuem o vencimento a partir do dia 31, como é a atual situação de Roraima, onde foi estabelecido esse dia para o primeiro valor total do imposto, com desconto, direcionado às placas com final 1.

Já na Paraíba, Tocantins, Sergipe e Maranhão, a definição para a primeira data de vencimento do IPVA é determinada para o começo de fevereiro.

No Rio Grande do Norte, essa data é estabelecida em março, ao mesmo tempo que no Rio Grande do Sul e Espírito Santo a cobrança é feita a partir de abril. Você pode checar mais informações no portal da Secretaria da Fazenda do seu Estado.

Este conteúdo foi útil para voce? 1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 voto(s), média: 5,00)
Loading...