Foregon.comConteúdos

Saiba o que não fazer com a sua reserva de emergência em 2020

Por Janaína TavaresPublicado em
Compartilhe

Você tem o costume de deixar um dinheiro guardado para possíveis imprevistos financeiros? Saiba que isso nada mais é do que uma reserva de emergência, aquela grana que você está protegendo para lidar com eventos inesperados do futuro.

Contudo, algumas pessoas ainda não sabem ao certo como lidar com esse recurso. Por isso, neste artigo, vamos apresentar para você os erros mais comuns na hora de criar ou manter uma reserva de emergência nesse ano.

O que não fazer com a reserva de emergência em 2020?

Para que você consiga ter uma boa reserva de emergência, evite usá-la com gastos supérfluos. Lembre-se que ela existe para te ajudar nos momentos de incertezas.

Imperdível
Sua chance de ter um cartão de crédito sem anuidade78.477 pessoas já pediram
Ver cartão
Encerra em 16:20

Portanto, faça um planejamento financeiro com o objetivo de separar os valores que serão usados para suas compras, contas que deve pagar, dentre outros itens.

Outro erro bem comum que as pessoas cometem é deixar de verificar os gastos mensais para atualizar a reserva de emergência. Se você tiver o hábito de revisar periodicamente isso, vai ter uma noção melhor de quanto realmente precisa guardar para uma situação imprevista.

Já na parte de investimentos, nosso conselho é que você não aplique o seu dinheiro em ativos de renda variável ou em títulos prefixados e atrelados à inflação do Tesouro Direto. Isso porque, com os dois, você estará sujeito a mais riscos e perdas.

Importante: caso queira adquirir um título do Tesouro Direto, opte pelo Tesouro Selic que é o mais recomendado para a sua reserva de emergência.

Como montar a sua reserva de emergência em 2020?

Para montar a sua reserva de emergência nesse ano, leve em consideração a soma daqueles gastos fixos e variáveis que você tem todos os meses, por exemplo:

  • Calcule despesas que envolvem aluguel, condomínio, luz, água, telefone, internet, combustível, alimentação, farmácia, dentre outros.

Lembre-se que em se tratando desse tema, sua reserva de emergência precisa oferecer tranquilidade e segurança para você.

Reserva de emergência 2020: onde investir?

Neste contexto, o mais indicado é que você possa investir a sua reserva de emergência em investimentos que possuem baixo risco e maior liquidez.

Dessa forma, você fica menos propenso aos riscos do mercado e ainda consegue ter mais agilidade para resgatar o dinheiro que foi investido.

Algumas opções são: Certificado de Depósito Bancário (CDB), Letra de Crédito do Agronegócio (LCA) e Letra de Crédito Imobiliário (LCI) com liquidez diária.

Conteúdos que você precisa conhecer

Para complementar a sua jornada aqui na Foregon, separamos alguns artigos que podem ser do seu interesse:

Descomplicamos?

Esperamos ter ajudado você. Qualquer dúvida ou sugestão, mande aqui para que possamos responder. Até a próxima!

Gostou? Deixe seu curtir
Compartilhe nas suas redes sociais

Janaína Tavares

Jornalista e produtora de conteúdo, é Redatora na Foregon. Apaixonada por cinema e pelo mundo asiático, seu foco está em entregar textos úteis e inspiradores.

Ver todos os posts

Leia a seguir

  • Dicas financeiras

    O que é a Click Conta Bradesco?

  • Dicas financeiras

    Faturamento MEI 2020: descubra

  • Dicas financeiras

    Como pagar boleto com PayPal?

  • Dicas financeiras

    Sky pré-pago: conheça e veja se vale a pena

Ver mais conteúdos

Veja o que estão comentando

Principais conteúdos

Principais assuntos

  1. Home
  2. Conteúdo
  3. Dicas financeiras